Grêmio volta a vencer e complica situação do Fluminense no Brasileiro

Após três derrotas seguidas, o Grêmio voltou a vencer no Brasileirão. Flu fica apenas um ponto da zona do rebaixamento

Grêmio volta a vencer e complica situação do Fluminense no Brasileiro
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Grêmio
1 0
Fluminense
Grêmio: Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Bruno Rodrigo e Bruno Cortez; Cristian (Jaílson, min. 0'/2ºT), Arthur, Ramiro e Patrick (Jean Pyerre, min. 8'/2ºT); Everton e Jael (Beto da Silva, min. 32'/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho.
Fluminense: Diego Cavalieri; Lucas, Frazan, Reginaldo e Léo; Orejuela, Douglas (Peu, min. 42'/2ºT), Wendel (Marcos Junior, min. 20'/2ºT), Sornoza (Richard, min. 31'/2ºT) e Gustavo Scarpa; Henrique Dourado. Técnico: Abel Braga.
Placar: 1-0, min. 40'/2ºT, Beto da Silva.
ÁRBITRO: Rafael Traci, auxiliado por Ivan Carlos Bohn e Pedro Martinelli Christino (todos do Paraná).
INCIDENCIAS: 26ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017, partida realizada no estádio Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Apesar dos desfalques, o Grêmio superou o Fluminense por 1 a 0, na tarde deste domingo (1), em Porto Alegre, e encerrou a sequência de três derrotas seguidas. Com a vitória, o tricolor gaúcho continua próximo dos líderes e complicou os cariocas no Brasileirão, que estão apenas um ponto da zona do rebaixamento.

O Fluminense tem um dos piores desempenhos do returno. São apenas seis pontos, sendo apenas um dos últimos 15 possíveis. O tricolor carioca caminha contra a reação dos times que foram mal no primeiro turno e se aproxima cada vez mais da zona do rebaixamento.

Com a vitória, o Grêmio se mantém em terceiro lugar agora com 46 pontos. Já o Fluminense, caiu para a 15º posição, encostado com 31 pontos. Na próxima rodada, o Grêmio recebe o Cruzeiro, na quarta-feira (11), às 21h45 (de Brasília). Já o Flu tem clássico contra o Flamengo, na quinta-feira (12), em horário a definir, no Maracanã.

Grêmio pressiona, mas Diego Cavalieri salva o Fluminense e o placar fica zerado

Com uma formação diferente, com mais meias e sem pontas, o Fluminense perdeu em velocidade e não conseguiu agredir o Grêmio durante todo o primeiro tempo. As únicas finalizações foram de fora da área, com Gustavo Scarpa e Sornoza, mas não levaram perigo ao goleiro Marcelo Grohe.

Por outro lado, o Grêmio foi superior no primeiro tempo e teve cinco chances claras de abrir o placar, mas em quatro delas parou no goleiro Diego Cavalieri, que estava em tarde inspirada e fez grandes defesas. O tricolor gaúcho conseguiu abrir o placar aos 35 minutos com Patrick, mas o assistente marcou impedimento. 

Com gol no fim, Grêmio bate Fluminense e encerra sequência de três derrotas seguidas

O Fluminense começou a etapa final com atitude diferente do primeiro tempo. Com menos de dez minutos, o tricolor carioca teve duas grandes oportunidades. Na primeira, o artilheiro Henrique Dourado fez o goleiro Marcelo Grohe fazer a primeira grande defesa dele no jogo. Já na segunda, a cabeçada de Reginaldo saiu pelo canto levando perigo.

Porém, o bom momento do Fluminense não passou disso. Logo após, o Grêmio voltou a ter mais controle da posse de bola e dominar o jogo novamente, apesar do ataque ter diminuído a contundência e ter dado menos trabalho ao goleiro Diego Cavalieri.

O jogo caminhava para o final com o placar zerado. Entretanto, aos 40 minutos, Everton arriscou chute de fora da área, a bola desviou no braço de Orejuela, a zaga do Fluminense não acompanhou o jovem atacante Beto da Silva que aproveitou para tocar na saída de Diego Cavalieri - que ainda desviou - para abrir o placar.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Após abrir o placar, restou ao Grêmio esperar o jogo terminar. O Fluminense, por sua vez, tentou ir para o ataque no desespero, mas sequer levou perigo a defesa gremista. Sem mais tempo, o Fluminense amargou a quarta derrota nos últimos cinco jogos e o Grêmio encerrou a sequência de três derrotas seguidas.

Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense