Renato exalta entrega dos jogadores, mas promete trabalhar nervosismo da equipe para final

Após vencer mexicanos em partida truncada, técnico gremista elogiou sua equipe, porém, admitiu que nervosismo e  cansaço atrapalharam  rendimento dos jogadores

Renato exalta entrega dos jogadores, mas promete trabalhar nervosismo da equipe para final
Renato Gaúcho durante o jogo contra o Pachuca. Foto: (Getty Images)

Com uma classificação suada diante dos mexicanos com o único gol da partida marcado por Everton aos cinco minutos da prorrogação, Renato Portaluppi elogiou o empenho da equipe, mas revelou que avisou aos jogadores sobre o nervosismo, que fez o time gaúcho trabalhar menos a bola como de costume, preocupando o treinador.

 ''No início os jogadores estavam nervosos, falei com eles sobre isso. Não havia motivo para tanto. No segundo tempo, nós melhoramos e na prorrogação o Everton fez aquela bela jogada e marcou.'' afirmou ao canal SporTV.

Mesmo tendo comentado sobre o nervosismo da equipe durante a primeira etapa, o técnico também levou em conta o cansaço dos jogadores por conta do fuso horário e da viagem, que são fatores que pesaram muito para os jogadores, que só tiveram somente três dias para treinar antes de encarar os mexicanos.

"Não tem jogo fácil. Tudo é difícil, o Pachuca não está aqui atoa e nem o Grêmio. É uma semifinal de Mundial então todo o detalhe é importantíssimo. Mas mais uma vez nós conseguimos alcançar nosso objetivo e chegamos na final. Na partida de amanhã saberemos quem será o nosso adversário e vamos começar a pensar nele. Mas acho que o mais importante é ressaltar que mais uma vez o grupo honrou a camisa do Grêmio acima de tudo. Estão todos de parabéns e a cada partida que eles fazem eu me orgulho cada vez mais". Concluiu o técnico.

O Real Madrid entra em campo na quarta-feira (13) ás 15 horas (horário de Brasília), quando enfrenta o Al Jazira para decidindo quem será o adversário do clube gaúcho na final do Mundial de Clubes que acontece no sábado (16), no mesmo horário. O time de Zidane conta com Cristiano Ronaldo, Casemiro e Marcelo na partida de amanhã, em busca de mais um título, após conquistar a décima segunda Liga dos Campeões e a quarta Supercopa da Uefa.