Em vantagem, Inter busca título do Gauchão diante do Juventude no Beira-Rio

Colorado venceu ida por 1 a 0 e tem favoritismo, porém, Verdão promete lutar até o fim pela taça do estadual

Em vantagem, Inter busca título do Gauchão diante do Juventude no Beira-Rio
Internacional e juventude estão prontos para o duelo (Foto:Divulgação/Internacional)
Internacional
Juventude
Internacional: Alisson; Paulo Cezar, Paulão, Ernando e Artur; Fernando Bob, Fabinho, Andrigo e Anderson; Sasha e Aylon. Técnico: Argel Fucks
Juventude: Elias; Hélder, Klaus, Heverton e Pará; Wanderson, Itaqui, Bruno Ribeiro e Hugo; Dieguinho e Roberson. Técnico: Antônio Carlos Zago
ÁRBITRO: Anderson Daronco, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Julio Cesar Rodrigues.
INCIDENCIAS: Partida válida pela final do Campeonato Gaúcho, a ser disputada no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

O tão esperado jogo de volta da final do Campeonato Gaúcho 2016 chega e as expectativas são as melhores para este confronto, afinal, tratando-se de Inter e Juventude tudo pode acontecer. Como por exemplo, lembrar da famosa expressão "touca" criada pela torcida alviverde após muitas vitórias sobre o colorado, ou até da vantajosa vitória vermelha de 8 a 1, conquistada em 2008.

O Juventude terá 90 minutos para buscar o placar, precisando reverter o 1 a 0 da vitória colorada em pleno Alfredo Jaconi. Por isso, caso ocorra um empate, Internacional sagra-se campeão e, se o Verdão vencer por apenas um gol, a partida será decidida nos pênaltis.

Confronto será apitado pelo árbitro gaúcho Anderson Daronco, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Julio Cesar Rodrigues. O apito inicial será dado neste domingo (8), no estádio Beira-Rio, às 16h, em Porto Alegre.

Internacional entra em campo com vantagem  

Tudo aparenta estar mais tranquilo para o Inter, visando confronto em casa, junto ao seu torcedor e, ainda contando com um gol na casa do aversário. Contudo, para o atacante Eduardo Sasha é preciso focar na partida e apenas pensar no resultado de volta, como se ainda estivesse em 0 a 0.

"Claro que o resultado nos traz uma boa vantagem, mas sabemos que não vai ser um jogo fácil. Não podemos entrar com soberba, achando que o resultado já nos deu o título. Temos que entrar ligados, como foi no jogo de lá", disse o atacante no treino deste sábado(7).

As vésperas do confronto, Argel Fucks fez boa parte do seu treino em secreto, com os portões fechados. Apenas foi possível observar pela imprensa, o tão famoso rachão final, rachão no qual comissão técnica juntamente com os jogadores pareciam se divertir. Em campo reduzido, a atividade um tando descontraída teve o goleiro Alisson atuando na linha e o auxíliar Odair Hemann dentre os escalados.

Ainda após o rachão, treinador enfatizou as cobranças de pênaltis, já que caso a equipe de Caxias do Sul se recupere e devolva o resultado, haverá a desputa de penalidades máximas. No outro lado do campo eram realizadas cobranças de faltas. 

A única dúvida para a partida é o lateral William que agora com sua situação regularizada poderá atuar diante do Juventude. No treino, participou das atividades junto ao seu substituto, Paulo Magalhães, entretanto, o treinador colorado prefiriu manter o mistério.

Para o lugar de Vitinho, expulso por ato indiciplinar na última partida, a substituição fica a cargo do atacante prata da casa, Aylon.

Juventude lutará até o fim para levantar a taça

Equipe Alviverde mostrou durante todo esse campeonato a força que tem, fazendo uma campanha invejável no estadual, verdão chegou a tão esperada final, junto ao colorado. E apesar de saber da vantagem conseguida em seus dominios pelo adversário, segundo o camisa 10 Hugo, equipe irá lutar até o fim para levar o troféu.

"Tecnicamente o Inter é melhor. Temos nos superado na vontade e na garra. E na gana de conquistar o Gauchão. É jogo para se deixar tudo em campo. É a última partida e a chance de ser campeão. Vamos lutar até o fim. No decorrer do jogo você vai sentindo o que precisa fazer."

Para o confronto, Juventude somente terá uma alteração na equipe, o lateral direito Helder, o qual havia sido expulso na semifinal, contra o rival colorado, Grêmio. De resto, equipe irá a campo com a mesma formação, determinação e garra mostrada na partida de ida.