Internacional recebe Santos visando encerrar jejum de 14 jogos sem vitórias no Brasileirão

Atual 18º colocado, Colorado almeja conquistar três pontos para deixar a zona de rebaixamento; Peixe quer voltar a entrar no G4 da competição

Internacional recebe Santos visando encerrar jejum de 14 jogos sem vitórias no Brasileirão
Foto: Ricardo Duarte/ S.C. Internacional
Internacional
Santos
Internacional: Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Geferson; Anselmo, Fabinho, Valdívia, Nico López e Seijas; Aylon. Técnico: Celso Roth
Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Léo Cittadini e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior
ÁRBITRO: Rodrigo Batista Raposo, auxiliado por Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Junior (trio do DF)
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 23ª rodada do Brasileirão 2016, no Beira-Rio, em Porto Alegre

Na noite desta quinta-feira (8), Internacional e Santos fecham a 23ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio, em Porto Alegre, a partir das 21h. Enquanto o Colorado busca dar fim a uma inacreditável sequência de 14 jogos sem triunfar no torneio nacional, o Peixe - que só venceu um dos últimos cinco compromissos - entra em campo com a chance de retornar ao G4.

As partidas de ontem não foram favoráveis a nenhuma das equipes. Os gaúchos viram Figueirense e Coritiba vencerem Atlético-PR e Grêmio, respectivamente. Desta forma, o time dirigido por Celso Roth ocupa o indigesto 18º lugar, com 24 pontos. Por outro lado, o Alvinegro está mais distante de Palmeiras, Flamengo e Atlético-MG que superaram os adversários. Com 36 pontos, os comandados de Dorival Júnior, hoje na quinta posição, podem entrar no G4 caso ganhem e o Corinthians não passe pelo Sport.

O duelo na capital do Rio Grande do Sul terá um trio do Distrito Federal na arbitragem. Rodrigo Raposo é o homem do apito, auxiliado por Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Junior.

Pressionado e sem mistério, Inter conta com bons momentos de Seijas, Nico e Aylon

É verdade que, no Campeonato Brasileiro, o Internacional não vence uma partida há quase três meses. Porém, na semana passada, o Colorado atropelou o Fortaleza no Beira-Rio, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Apesar do triunfo ter sido conquistado sobre um rival da terceira divisão nacional, ao menos serviu para elevar a autoestima do elenco.

Neste cenário, três nomes se destacam: Seijas, Nico López e Aylon. Enquanto o venezuelano caiu nas graças da torcida por ter chamado a responsabilidade em meio ao péssimo momento, os atacantes formaram boa dupla, marcaram gols e ganham nova chance entre os titulares diante do Peixe.

Se dois dos homens de ataque não são segredo, o resto do time também não é. Durante a semana, Celso Roth realizou diversas atividades sem esconder os onze titulares. Além da bola parada, triangulações, recuo dos atacantes e movimentos dos laterais em direção à área receberam bastante atenção do treinador. Suspenso, Rodrigo Dourado dá lugar a Anselmo. Com problema no joelho esquerdo, Eduardo Sasha é outro que fica fora.

Na véspera do confronto, Roth afirmou: ''Entramos mais leves. Não diria que a vitória é uma coroação, pois temos caminho ainda. Sempre queremos vencer em qualquer competição. A gente trabalha para esse fim. Estamos precisando como nunca de três pontos e trabalhando com expectativa positiva para isso''.

A escalação do Inter para tentar retomar o caminho das vitórias no Brasileirão tem Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Geferson; Anselmo, Fabinho, Valdívia, Nico López e Seijas; Aylon.

Contando com presença de Lucas Lima, Peixe busca fugir do mau momento

Dos últimos 15 pontos disputados, o Santos levou apenas quatro para casa. Mesmo assim, luta por uma vaga no grupo de classificação à Libertadores da próxima temporada. Nos últimos meses, Dorival Júnior precisou quebrar a cabeça para montar a equipe e mantê-la em alto nível. Agora, o período de indefinições parece ter acabado. Ou ao menos dado uma trégua.

Após o fim das Olimpíadas, Gabriel rumou à Itália para jogar na Inter de Milão. Convocado para a Seleção Brasileira, Lucas Lima mal retornou de Manaus e vai a campo em Porto Alegre. Por outro lado, o campeão olímpico Thiago Maia é desfalque por acúmulo de cartões amarelos. O volante, no entanto, é o único problema de Dorival.

Antes da viagem ao Sul, Lucas Lima concedeu entrevista coletiva. ''Estou pronto. A viagem foi um pouco longa e chata, mas resolvi treinar pra dar uma movimentada. Dorival perguntou se eu estava bem, e eu disse que poderia atuar. Estou louco para jogar pelo Santos'', disse o camisa 20.

Tendo o atacante Walterson - destaque do Santos B na Copa Paulista - entre os relacionados, o Alvinegro da Vila Belmiro vai a campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Léo Cittadini e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.