Danilo Fernandes destaca luta contra rebaixamento após atuação inspirada

Com um tento de Vitinho e duas defesas extraordinárias de Danilo, o Internacional venceu o Coritiba por 1 a 0 e, provisoriamente, está fora do rebaixamento

Danilo Fernandes destaca luta contra rebaixamento após atuação inspirada
Em uma noite iluminada, Danilo defende duas e Vitinho converte a vitória colorada em 1 a 0 (Foto:Divulgação/Internacional)

Em uma noite iluminada, repleta de emoção e garra dentro e fora de campo, o Internacional voltou a vencer no Brasileirão e, provisóriamente, está fora do rebaixamento. Quando parecia que a vitória escapara de nossas mãos e que nada podia ser feito, a estrela de Danilo Fernandes brilhou mais forte e, o resultado que podia ser considerado tragédia a esta altura do campeonato, se converteu em alegria com um belo tento de pênati, carimbado por Vitinho.

O grande herói deste embate, Danilo Fernandes, mesmo estando com o nariz quebrado fez grandes defesas e encaminhou a vitória colorada em frente à gigantesca massa vermelha presente no estádio Beira-Rio. Ao deixar o gramado, goleiro deu méritos a toda equipe pelo belo trabalho apresentado.

"Todos são responsáveis pela vitória. Eu estou fazendo a minha parte. Nós não merecíamos sair daqui hoje sem a vitória. Este grupo é batalhador. Nós não vamos cair", desabafou.

O autor do único e salvador tento colorado, Vitinho, reiterou a visão de Danilo dando méritos a todos os atletas pela vitória e, agradeceu a Roth pela oportunidade de colocar em prática tudo aquilo que tem desenvolvido nos treinamentos.

"Este gol não foi meu, foi do grupo. Tem que dar parabéns para todos, para o grupo. Eu senti que a vitória ia vir quando o Danilo pegou aquele pênalti. Temos que seguir assim (...) Eu treino muito isso (cobrança de pênalti), agradeço a confiança do professor Roth. O time não vai deixar de acreditar.", declarou. 

Com o témino da partida, a alegria e o alívio de cada colorado não podia mais ser contido, afinal de contas, naquele momento, cada torcedor, cada jogador, podia respirar aliviado com a convicção de um possível escape para longe do rebaixamento.

Para finalizar, Seijas, deslumbrado com as luzes Beira-Rio, com duas simples palavras descreveu o momento colorado: "O grupo fechou."