Guto Ferreira não divulga equipe, mas Leandro Damião é favorito a compor ataque em reestreia

Nos últimos três treinamentos, uruguaio Nico López aparecia entre os titulares em dois; Mas, na última aparição com os portões abertos, centroavante Damião foi referência do ataque

Guto Ferreira não divulga equipe, mas Leandro Damião é favorito a compor ataque em reestreia
(Foto: Ricardo Duarte / Divulgação Internacional)

Mais uma vez com portas fechadas. Foi assim o último trabalho realizado por Guto Ferreira antes do confronto diante do Goiás. O cenário é repetitivo na vida do Inter. O treinador vem deixando uma interrogação na cabeça de todos, sempre antes das partidas. Porém, a única dúvida sobre o time que vai a campo no próximo jogo está no ataque: Nico López ou Leandro Damião?                                                                                                                                                                                 Mesmo com a boa atuação na vitória sobre o Oeste na última terça-feira, o comandante não abre mão do mistério antes dos jogos.

A incerteza certamente se dá pelo atual momento dos dois jogadores. Enquanto Nico López é o artilheiro do Inter na temporada com 13 gols, e goleador da equipe na Série B ao lado de William Pottker com cinco tentos, Leandro Damião tem força física e mais poder de jogo aéreo. Características que eram carências vistas pelos olhos do próprio treinador.

No fim de semana, Damião foi o titular 

                        (Foto: Ricardo Duarte / Divulgação Internacional)

A dúvida ficou ainda maior devido às amostras dadas por Guto Ferreira durante a semana que antecede a partida diante do Goiás.  Nos treinamentos de sexta-feira e sábado (respectivamente dias 28 e 29), a referência no ataque do time foi Nico López. Mas no trabalho do último domingo (30), o treinador utilizou Damião no comando do ataque.

Valorização da posse de bola, conclusões a gol e compactação do time. Foi o que trabalhou Guto Ferreira, no domingo, na penúltima atividade junto de seus comandados, antes da partida desta terça-feira. As indicativas eram de que Leandro Damião voltasse a vestir camisa vermelha como titular. No exercício Guto contou com o ingresso do centroavante na vaga de Nico López.  Outro estreante é Camilo. Diferente de Damião, o meia terá sua primeira partida por conta da suspensão de D’Alessandro. Sendo assim, o recém-chegado toma a vaga do argentino.

Cláudio Winck , Rodrigo Dourado e Victor Cuesta retornam após cumprirem suspensão automática na vitória diante do Oeste-SP, na última terça-feira (25). Com isso, a equipe titular escalada no último domingo foi: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson e Camilo; William Pottker, Eduardo Sasha e Leandro Damião. 

Apesar dos retornos, existem duas baixas. Como citado acima, D’Alessandro está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Outro desfalque é Fabinho, que fraturou o tornozelo esquerdo e desfalcará o Inter de três a quatro meses. Para piorar as opções, a última notícia é de que Nico López sentiu um desconforto muscular e não estaria entre os relacionados para encarar o esmeraldino goiano.

 O Internacional enfrenta nesta terça-feira (1º) o Goiás, de Argel Fucks, no estádio Beira-Rio. A bola rola a partir das 21:30 pela 18ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2017. Após vencer o Oeste por 2 a 0 na última rodada, o Celeiro de Ases ocupa atualmente a quarta (4ª) posição na tabela de classificação, com 27 pontos. Já o clube esmeraldino, detém 23 pontos e ocupa a 12ª colocação.


Share on Facebook