Embalado por sequência de vitórias no Beira-Rio, Inter enfrenta Guarani em Campinas

Colorado tenta emplacar três êxitos consecutivos pela primeira vez na competição; D'alessandro e Nico López estão de volta; Pelo Guarani, Auremir e Gabriel Leite são baixas; Fumagalli retorna após ser poupado;

Embalado por sequência de vitórias no Beira-Rio, Inter enfrenta Guarani em Campinas
(Foto: Ricardo Duarte / Internacional)
Guarani
Internacional
Guarani : Leandro Santos; Lenon, Genilson, Diego Jussani e Geilton; Evandro, Richarlison, Denner, Fumagalli e Bruno Nazário; Eliandro. Técnico: Vadão
Internacional: Danilo Fernander; Cláudiio Winck, Klaus, Victor Cuesta e Uenadel; Rodrigo Dourado, Edenílson, D'alessandro, William Pottker e Camilo; Leandro Damião. Técnico: Guto Ferreira
ÁRBITRO: Marcelo de Lima Henrique, auxiliado por Michael Correia e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (trio do Rio de Janeiro).
INCIDENCIAS: Partida válida pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2017, às 16:30, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, Campinas, SP.

Aliviado após fazer os dois deveres de casa, o Colorado chega à São Paulo para fazer um confronto direto na disputa por afirmação no G-4. Internacional e Guarani se enfrentam neste sábado (5) para disputar a 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2017. A bola rola a partir das 16:30 no estádio Brinco de Ouro da Princesa.

O clube gaúcho ocupa no momento a segunda colocação na tabela. Vindo de goleada por 3 a 0 sob o Goiás, o Inter vai à busca da sua terceira vitória consecutiva na competição.  O que ainda não ocorreu no campeonato.

Diferente do Colorado, o Guarani vive um mal momento. O clube paulista, que já esteve como líder isolado, hoje amarga a quinta posição na tabela. Além disso, o time campinense vem de duas derrotas seguidas e está a cinco jogos sem vencer.

Semana leve na Beira-Rio

Mesmo sob pressão, o Internacional conseguiu dar ao seu torcedor o que todos queriam. As duas vitórias nas dependências do estádio Beira Rio deixaram os Colorados mais tranquilos para a sequência da Série B. O fato ainda havia ocorrido nesta disputa à volta para elite.

Com os dois êxitos, o técnico Guto Ferreira teve uma semana tranquila. Mesmo diante de tanto bom humor, mais uma vez o comandante decidiu fechar o último treino antes da viajem para Campinas. Apenas dois retornos bagunçam a cabeça do treinador. D’alessandro, que cumpriu suspensão diante do Goiás, está de volta. Junto com o capitão, Nico López que sentiu um desconforto na coxa antes da partida contra os goianos, já tem condições de jogo. O chileno Felipe Gutiérrez é a baixa. O meio-campista recebeu o terceiro cartão amarelo e desfalca o Colorado.

Em sua última coletiva antes da partida, Guto Ferreira garantiu que Eduardo Sasha treinou normalmente. O atacante saiu de campo lesionado na última partida. Sasha deve ficar no banco de reservas, para o reingresso de D’alessandro e Camilo deve atuar na extrema-esquerda, onde estava o atacante. Nico López, que treinou normalmente, deve ficar na suplência, devido a chegada de Leandro Damião.

Assim, o time do Inter deve continuar com a formação no 4-1-4-1 e o provável time titular conta com: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, D’alessandro, William Pottker e Camilo; Leandro Damião.

Sequência negativa não assusta o treinador

Da quinta à 17ª rodada dentro do G-4, o Guarani vinha surpreendendo todos por estar cotado à queda para Série C do nacional. No atual momento, a equipe vem de cinco jogos sem vencer e saiu da zona de acesso à elite. Esta queda, garante ao Índio paulista o pior jejum de vitórias da temporada. Porém tal fato não assombra o técnico Vadão. O treinador diz que essa queda de rendimento não o assusta por ser muito cedo e que um empate na última partida teria deixado o Bugre no G-4.

“É muito cedo ainda. Sempre falo para vocês que tem que manter uma média de pontuação. Um empate aqui (em Lucas do Rio Verde) e a gente estaria dentro do G-4. Essa briga é grande. Isso sair do G-4 agora eu não me preocupa. Às vezes a gente perde o jogo com muita oportunidade de fazer gol, como foi hoje (terça-feira)”, avaliou Vadão.

No último treinamento antes do confronto contra o Inter, o comandante fechou o último trabalho para esconder o time que vai a campo.  O meia Auremir, negociado com o futebol turco, é desfalque para este confronto. Além dele, o atacante Gabriel Leite está lesionado e também é desfalque. A boa notícia é que o meio-campo Fumagalli está de volta. O jogador de 39 anos foi poupado na derrota diante do Luverdense-MT.

O provável time que vai à campo conta com: Leandro Santos; Lenon, Genilson, Diego Jussani e Geilton; Evandro, Richarlison, Denner, Fumagalli e Bruno Nazário; Eliandro.

Sport Club Internacional