Inter bate Santa Cruz com gols de D'Alessandro para ser líder isolado e ficar próximo da Série A

Colorado venceu pelo placar de 2 a 0, deixando Santa Cruz na zona de rebaixamento

Inter bate Santa Cruz com gols de D'Alessandro para ser líder isolado e ficar próximo da Série A
Foto: Ricardo Duarte/Internacional
INTERNACIONAL
2 0
SANTA CRUZ
INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Alemão, Danilo Silva, Vitor Cuesta e Carlinhos; Rodrigo Dourado, Edenilson e D’Alessandro; Eduardo Sasha, William Pottker e Leandro Damião. Técnico: Guto Ferreira
SANTA CRUZ: Julio Cesar; Nininho, Salles, Mattis e Yuri; Wellington, Primão e João Paulo; Bruno Paulo, André e Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte
Placar: 1-0, D'Alessandro. 2-0, D'Alessandro.
ÁRBITRO: Alisson sidnei furtado auxiliado por Fabio Pereira e Cipriano da Silva Sousa
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA 27ª RODADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B, REALIZADA NO ESTÁDIO BEIRA-RIO

Pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B, o Internacional recebeu o Santa Cruz. Com objetivos distintos as equipes entraram em campo na tarde deste sábado, e o Colorado levou a melhor.

Já no começo da primeira etapa, D'Alessandro abriu o placar de pênalti. No segundo tempo o argentino ampliou para o clube gaúcho, deixando o placar final em 2 a 0 para a equipe da casa.

Com a vitoria o Inter fica com 54 pontos e se mantém na liderança do campeonato. Já o Santa Cruz fica na zona de rebaixamento, com 29 pontos.

Internacional abre o placar com gol de pênalti

Logo de inicio, Leandro Damião partiu para o ataque pela direita, a defesa do Santa Cruz tentou tirar, mas a bola acabou ficando com o atacante colorado, que finalizou por cima do gol. Na resposta, o Santa Cruz tentou contra-ataque. André Luís lançou João Paulo, que não alcançou a bola.

Nos primeiros cinco minutos de jogo foi o Colorado que exerceu pressão sobre o visitante, tendo quatro escanteios seguidos. Aos 6’, Leandro Damião tabelou com Sasha e tentou invadir a área, mas foi parado com falta por Nininho. Na sequência, foi a vez do adversário atacar com João Paulo, que cruzou em cima de Vitor Cuesta. A bola saiu para escanteio e a zaga do internacional afastou após cobrança.

Aos oito minutos, D’Alessandro abriu o placar cobrando pênalti. A penalidade se originou em jogada feita por William Pottker, onde Guilherme Mattis tentou afastar e acabou tocando com o braço na bola.

Perto da metade da primeira etapa o time de Guto Ferreira continuou buscando espaços para ampliar o placar. Já o Santa Cruz buscou chances no contra-ataque. Yuri chegou na linha de fundo e cruzou para Carlinhos cortar, no rebote André Luís tentou novamente, mas o defensor colorado afastou. Em seguida foi a vez do Internacional levar perigo em jogada de Danilo Silva, que chegou no fundo e cruzou para Leandro Damião, porém o atacante finalizou para fora. 

Aos 29’, o Santa Cruz chegou com Guilherme Mattis. Após cobrança de falta, ele subiu mais que a defesa da casa, mas a finalização foi fraca e a bola ficou com Danilo Fernandes. Em seguida o Santa chegou novamente. André Luís puxou contra-ataque e passou para João Paulo que devolveu para o atacante, que finalizou para fora.

Na reta final do primeiro tempo, apesar dos contra-ataques tentados pelo visitante, era a equipe da casa que chegava mais perto do gol. Após cruzamento de Pottker, Leandro Damião finalizou forte por cima do gol de Júlio Cesar. Aos 39’ Damião e Edenílson tabelaram, mas o goleiro do Santa se antecipou e ficou com a bola. Aos 43’ o goleiro Tricolor novamente salvou sua equipe. Damião deixou Pottker na cara do gol, mas Julio Cesar fez grande defesa.

Ainda na primeira etapa deu tempo do Tricolor tentar o empate. Em contra-ataque, Bruno Paulo recebeu de Grafite e finalizou, passando perto de igualar o placar.

D'Alessandro amplia e garante vitória Colorada

O recomeço de partida teve novamente o Colorado indo para cima. Logo aos 3’, Carlinhos cruzou na área, Pottker cabeceou para o gol, mas Julio Cesar defendeu. Logo em seguida, o Santa Cruz tentou dar a resposta, mas Grafite foi derrubado na entrada da área por Danilo Silva. Na cobrança da falta, Anderson Salles acertou a barreira.

Com o Inter pressionando, o grande destaque do Santa Cruz passou a ser Julio Cesar. Aos 13’, Pottker ganhou da defesa do Tricolor e chutou em cima do goleiro, que salvou sua equipe de tomar o segundo gol.

Aos 16 minutos da segunda etapa, Grafite tentou o empate para o Santa Cruz. Após receber cruzamento de Nininho, ele dominou e chutou sem mira, longe do gol de Danilo Fernandes.

Passada a metade da etapa complementar, o Internacional continuou a pressão em busca do segundo gol. Aos 25’, Camilo recebeu passe de D’Alessandro e chutou forte, mandando na trave. Na sequência, D’Alessandro ampliou o placar, mandando a bola para rede pela segunda vez no jogo. Em tentativa de contra-ataque o Santa Cruz acabou perdendo a bola para Camilo, que lançou o argentino, que sem dificuldade passou pela defesa adversária e mandou para o fundo do gol.

Aos 28’, William Pottker ficou cara a cara com Julio Cesar, mas a arbitragem marcou impedimento. O atacante colorado, que estava pendurado, reprovou a marcação e acabou levando o terceiro cartão amarelo, ficando de fora na próxima rodada. Minutos depois, Camilo cobrou escanteio para o Colorado e Rodrigo Dourado cabeceou, mas novamente o goleiro Tricolor salvou.

Aos 34 minutos foi a vez do Santa Cruz levar perigo ao colorado. Ricardo Bueno mandou para de fora da área para o gol, Danilo Fernandes espalmou, no rebote André Luís mandou em cima do goleiro e finalizando a jogada, Bueno tentou novamente, mas Danilo mandou para escanteio.

Na reta final da partida o Internacional marcou mais um, mas desta vez não valeu. Pottker passou para Edenilson, que mandou para dentro do gol, mas a arbitragem anulou devido a impedimento do atleta colorado. 

Sport Club Internacional