Sonhando com título da Série B, Inter encara Goiás no Serra Dourada

Colorado precisa vencer e depende de resultado paralelo para continuar na briga pela taça

Sonhando com título da Série B, Inter encara Goiás no Serra Dourada
(Foto: Ricardo Duarte/SC Internacional)

Com acesso garantido na elite do futebol brasileiro, Internacional enfrenta o Goiás, neste sábado (18), às 17h, ainda sonhando com o título da Série B. O time gaúcho é vice-líder, com 65 pontos, e precisa de uma vitória para seguir na briga pelo troféu, enquanto o esmeraldino tem 44 pontos e ainda tenta escapar da zona de rebaixamento.

As equipes se encontraram uma vez nessa temporada, em jogo válido pelo primeiro turno da competição. Na ocasião, o Inter se saiu melhor ao vencer o Goiás por 3 a 0, no Beira-Rio.

Mesmo vencendo no Serra Dourada, os colorados precisam torcer por um empate ou derrota do América-MG diante do Londrina no Estádio do Café. Isso porque conseguindo os três pontos, o time mineiro confirma o título na penúltima rodada.

Na segunda partida depois de assumir o lugar de Guto Ferreira, o interino Odair Hellmann contará com o retorno de peças importantes para compor o elenco. Recuperados de lesão, o atacante Damião e o zagueiro Victor Cuesta estão liberados pelo departamento médico. D'Alessandro, que estava suspenso, também irá retornar.

Provável time titular será Danilo Fernandes; Winck, Thales, Cuesta e Uendel; Dourado, Edenilson, D'Alessandro, Pottker e Sasha; Damião.

Diferente do adversário, o treinador Hélio dos Anjos terá desfalques no grupo. Com lesão na coxa, Tiago Luís não tem mais condição de atuar na temporada. Júnior Viçosa é outra dúvida por conta das dores no rosto que vem sentindo após o choque no jogo contra o CRB. Além disso, Aylon cumpre suspensão.

O Goiás deve ir a campo com Marcelo Rangel; Pedro Bambu, Fabio Sanches, Alex Alves e Carlinhos; Victor Bolt, Elyeser e Léo Sena; Nathan, Carlos Eduardo e Junior Viçosa (Gustavo).

A arbitragem fica por conta do trio catarinense Heber Roberto Lopes, auxiliado por Helton Nunes e Thiago Americano Labes.