Caxias e Internacional travam duelo pela liderança do Campeonato Gaúcho

Invictas no Gauchão, equipes põe a prova o primeiro lugar no estadual; Partida está marcada para 21:45, no estádio Centenário

Caxias e Internacional travam duelo pela liderança do Campeonato Gaúcho
(Foto: Ricardo Duarte / Divulgação Internacional)
Caxias
0 0
Internacional
Caxias: Gledson; Cleiton, Júnior Alves, Laércio e Julinho; Régis, Diego Miranda, Rafael Gava, Túlio Renan e Nicolas; João Paulo. Técnico: Luiz Carlos Winck
Internacional: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson, William Pottker, D’alessandro e Patrick; Leandro Damião. Técnico: Odair Hellmann
ÁRBITRO: David Baquini, auxiliado por Maurício Penna e Max Vioni
INCIDENCIAS: Partida válida pela terceira rodada do Campeonato Gaúcho 2018, no estádio Centenário, em Caxias do Sul-RS.

O Campeonato Gaúcho ainda está no início, mas já teremos uma partida com cara de decisão. Logo na terceira rodada do estadual, um clássico. Com mais de 30 anos de história, Caxias e Internacional voltam a se enfrentar. O palco será mais uma vez o estádio Centenário, em Caxias do Sul. Por lá, a bola rola nesta quarta-feira (24), a partir das 21:45.

As duas equipes estão bem na competição. Ambos ainda estão invictos. Em seus dois primeiros jogos, o Internacional venceu. Em casa, na primeira rodada venceu o Veranópolis por 1 a 0. Na segunda partida, os Colorados golearam o atual campeão estadual, Novo Hamburgo, time que tirou do Inter o título gaúcho de 2017. O placar foi de 3 a 0, no estádio do Vale.

Assim como o Internacional, o Caxias também segue bem no estadual. As duas vitórias nas duas primeiras rodadas deixam o clube da Serra na liderança, junto com o Inter. Os caxienses vêm de vitória importante na última partida. A equipe Grená venceu o Grêmio dentro da Arena, e de virada, por 5 a 3. Mesmo que o tricolor esteja atuando no Campeonato Gaúcho com os meninos do grupo de transição, ganhar do Grêmio dentro da Arena é sempre difícil. Na primeira rodada, goleada. Como o Colorado, o Caxias logo na estréia aplicou um 3 a 0 no Novo Hamburgo, dentro do estádio do Vale.  

Com estes resultados, ambos somam seis pontos e estão na ponta de cima da tabela. No entanto, o Caxias é melhor, por ter marcado mais gols. Logo, é o líder da competição. O Colorado é o vice-colocado, por apenas um gol de diferença para o Caxias no saldo.

Em semana de mistérios e desfalques, Inter sobe a serra em busca da terceira vitória

O comandante do Internacional, Odair Hellmann está a apenas a dois jogos à frente da equipe, mas já deixou claro que fará rodízio entre os jogadores. Na estreia, dentro do estádio Beira Rio diante do Veranópolis, o comandante levou a equipe considerada titular a campo. Já no último domingo (21), contra o Novo Hamburgo, uma equipe totalmente reserva foi escalada. Apenas Danilo Fernandes seguiu na equipe.

Como a temporada ainda está no início, Odair usa o fato como argumento. Para não colocar seus atletas em risco de lesões, Hellmann irá revezar seus atletas. Além do rodízio, o técnico fechou parte dos trabalhos ao longo da semana. No entanto, os titulares que atuaram no primeiro jogo do Campeonato Gaúcho voltam a ficar a disposição.

Ao revelar a lista de convocados para a partida diante do Caxias, dois nomes  estão de fora: o meia Camilo, e o lateral-direito Dudu. Com dores na panturrilha esquerda, Camilo segue fora. O meio-campista, já havia ficado de fora do trabalho da última segunda-feira (22) e era dúvida. O lateral Dudu, que faria sua estréia diante do Veranópolis na primeira rodada, segue sem ser liberado pelo Departamento Médico do Colorado. Ao contrário de Camilo, o defensor chegou a participar do treinamento de segunda-feira. No entanto, com um desconforto muscular na coxa direita, fica fora do confronto desta quarta.

Assim, o provável time do Internacional vai a campo com: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson, William Pottker, D’alessandro e Patrick; Leandro Damião.

Em um dos treinamentos, Odair Hellmann chegou a testar o volante Edenílson na extrema esquerda, posição que é de Camilo, lesionado. Assim, o camisa 8 Colorado, pode ocupar a vaga que Patrick foi utilizado no último domingo diante do Nóia na posição, podendo aparecer Gabriel Dias ao lado de Rodrigo Dourado, na abertura do meio-campo.  Outra possibilidade é de que o garoto Iago seja poupado. Assim, Patrick pode jogar na lateral-esquerda, função que já fez no seu ex-clube, o Sport.

Mesmo invicto Caxias fecha treinos antes de encarar o Inter

No mesmo embalo de Odair Hellmann, o técnico do clube grená, Luiz Carlos Winck, fechou os treinos que antecedem a partida diante do colorado. Após oito gols em dois jogo, a efetividade do ataque é aparente. No entanto, as falhas da defesa caxiense são nítidas. Diante do Novo Hamburgo, foram 3 a 0. Contra o Grêmio, o placar foi 5 a 3. Porém, o tricolor de Porto Alegre abriu 3 a 1, antes dos 30 minutos do primeiro tempo.

Assim, com apenas dois dias de treinamentos, Winck fechou os trabalhos e faz mistério. Com isso, o treinador pretende fazer diferente, com a sua equipe que já é conhecida, mesmo que tenha se passado apenas duas rodadas. Para o zagueiro Júnior Alves é necessário muita conversa para que esses erros sejam corrigidos: “Sofremos dois gols por falha nossa. Temos que procurar acertar o que houve de errado. Sabemos que contra times grandes não podemos ter esse tipo de erro. No primeiro gol eles até criaram a situação, mas acho que nos outros dois foi mais nós que demos a oportunidade para o adversário. São detalhes. Conversamos no vestiário, voltamos mais encaixados e conseguimos buscar a vitória”, avaliou.

Sem dar muitas pistas, Luiz Carlos Winck deve escalar a mesma equipe que foi a campo diante do Grêmio no último sábado, com: Gledson; Cleiton, Júnior Alves, Laércio e Julinho; Régis, Diego Miranda, Rafael Gava, Túlio Renan e Nicolas; João Paulo.