Goleiro Agenor brilha e Joinville busca empate com Luverdense fora de casa

Verdão até criou chances para tirar a igualdade do placar, mas grande atuação do arqueiro do JEC pesou no resultado de 1 a 1 no MT

Goleiro Agenor brilha e Joinville busca empate com Luverdense fora de casa
Foto: Divulgação/ Joinville
Luverdense
1 1
Joinville
Luverdense: Gabriel Leite; Raul Prata, Luiz Otávio, Éverton e Paulinho; Muralha, Ricardo, Régis e Jean Patrick; Douglas Baggio e Alfredo. Técnico: Júnior Rocha
Joinville : Agenor; Danrlei, Bruno Aguiar, Victor Oliveira e Diego; Diones, Diego Felipe, Pereira e Júnior; Cléo Silva e Fernando Viana. Técnico: Hemerson Maria
ÁRBITRO: 1-0, min.36/2T, Vitinho. 1-1, min.39/2T, Bruno Aguiar
INCIDENCIAS: 1ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2016, no Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, MT

Nos embalados de sábado à noite, o Luverdense recebeu o Joinville, pela primeira rodada da Campeonato Brasileiro Série B. No estádio Passo das Emas, ficaram no empate. A partida foi equilibrada e com diversas chances de gols, mas, a igualdade permaneceu no placar: 1 a 1.

Joinville 2016: reestruturação para retornar à elite após um duro rebaixamento

Gols, só na segunda etapa: aos 36, Vitinho marcou para os alviverdes e abriu o placar. Três minutos depois, Bruno Aguiar tratou de igualar o placar novamente, concretizando o 1 a 1, em cobrança de escanteio. 

Na próxima rodada, o Luverdense visita o Bragantino, fora de casa, na terça-feira (17), às 19h15. Já o JEC faz clássico contra o Criciúma, na sexta (20), às 21h30.

+Guia VAVEL do Campeonato Brasileiro Série B 2016

Luverdense é melhor na primeira etapa, mas não tira o zero do placar 

Jogando em casa, o Luverdense contava com o apoio de sua torcida, mas nos primeiros 20 minutos de jogo, o JEC conseguiu estancar os pontos fortes do time mato-grossense e equilibrou o jogo. Aos 24 minutos, Douglas Baggio fez boa jogada pela esquerda, cruzou para Alfredo, que disputou para cabecear a bola pela linha de fundo, registrando a primeira chance de gol do time da casa e do jogo. Um minuto depois, os visitantes responderam, com Bruno Aguiar, que soltou o pé em cobrança de falta, longe.

Já no final da primeira etapa, Alfredo, de novo, quase abriu o marcador: o atacante do Luverdense cabeceou com perigo à meta de Agenor. Pela segunda vez, os mandantes chegavam com perigo pelo alto. 

Por fim, os alviverdes ainda mandaram uma bola na trave, quando Régis tocou para Ricardo, que com calma, caprichou no chute colocado, que tocou no poste do goleiro. A bola saiu pela linha de fundo, e o árbitro encerrou o primeiro tempo. O Verdão foi melhor, mas não teve qualidade na finalização para abrir o placar.

Luverdense foi melhor nos dois tempos, mas Agenor defendeu bem e garantiu empate (Foto: Luis Felipe Nischor/Luverdense)
Time da casa foi melhor nos dois tempos, mas Agenor defendeu bem e garantiu empate (Foto: Luis Felipe Nischor/Luverdense)

Verdão abre o placar, mas Bruno Aguiar marca e confirma empate

Na saída de campo, o atacante Ricardo havia dito: "Vamos corrigir o que tiver de errado e tentar finalizar mais ao gol". Dito e feito. O Luverdense voltou com tudo para a segunda etapa, a fim de abrir o placar iniciar a Série B com o pé direito. 

Logo aos três minutos, Douglas Baggio recebeu livre na área e como um pivô, girou e bateu rente à trave de Agenor, que caiu preocupado, mas aliviado com mais uma chance desperdiçada pelo time da casa. Sete minuto depois, o goleiro trabalhou: Raul Prata chutou de muito longe e o goleiro ex-Internacional catou sua primeira, salvando a bola na rede.

Era pressão total do Verdão. Tanto que, Agenor já havia trabalhado mais em 15 minutos do que a primeira etapa inteira. Aos 15, Ricardo cabeceou livre e o goleiro do JEC teve de se esticar todo para conseguir mais uma defesa. No escanteio, Luiz Otávio disparou o rebote para o gol, e o goleirão defendeu mais uma. 

Com 36 minutos de jogo, finalmente a bola na rede: Erik cruzou na medida para Vitinho emendar um belo chute para finalmente, vencer Agenor e balançar a rede do Passo da Emas: 1 a 0 para o Luverdense. Mas, a comemoração não demorou para acabar: três minutos depois, o zagueiro-artilheiro Bruno Aguiar se antecipou ao goleiro e empatou para os visitantes.

Por fim, igualdade no placar, que resultou na soma de um ponto para ambas equipes. Agenor, por sua vez, saiu como herói do jogo para o JEC, visto que o goleiro ex-Internacional defendeu bolas precisas para segurar o empate.