Ramon Menezes lamenta virada do Goiás, mas garante: "Ainda temos chances"

Joinville perdeu de virada para o Goiás pelo placar de 3 a 2, agora a situação ficou muito complicada para a equipe de Santa Catarina na Série B

Ramon Menezes lamenta virada do Goiás, mas garante: "Ainda temos chances"
(Foto: Divulgação / Joinville Esporte Clube)

Pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro o Joinville perdeu de virada para o Goiás fora de casa pelo placar de 3 a 2. O JEC tinha a partida nas mãos e terminou o primeiro tempo vencendo por 2 a 0, mas no segundo tempo acabou cedendo o empate e mais tarde, no final da partida, a virada. Jael e Fernando Viana marcaram para o tricolor catarinense, Walter e Léo Gamalho, duas vezes, marcaram para o esmeraldino.

Mais uma vez os jogadores do Joinville saíram muito abalados de campo e poucos quiseram falar com a imprensa. O atacante Jael, capitão do JEC, com poucas palavras disse que é preciso manter a esperança: “Explicar o quê? Não sei o que dizer. A gente fica cansado de dar explicação todo jogo. A gente tem chance ainda, não pode perder a esperança”, declarou o jogador.

Após ter marcado o 2 a 0 no primeiro tempo, o Joinville teve um jogador expulso. Para Ramon Menezes, técnico do JEC, esse fator ajudou para a virada dos donos da casa. Segundo ele é difícil jogar com um a menos, ainda mais fora de casa:

“Não era o que a gente esperava. A gente começou muito bem, com 2 a 0 no placar com 17 minutos. Aos 18 minutos perdemos um jogador, levamos bem o primeiro tempo. Fizemos duas linhas de quatro e terminamos o primeiro tempo. No segundo tempo, alteramos mais, o perigo era o Walter e o Gamalho, ainda mais pelas laterais. Suportamos até uma parte do jogo, mas, infelizmente, não seguramos o resultado, criamos algumas oportunidade. Nosso sentimento e de tristeza por tudo o que aconteceu, tínhamos condições, ainda mais pelo que apresentamos, anda mais depois de fazer um grande jogo. Fizemos um grande jogo, mas é difícil jogar com um a menos. Tudo pode acontecer agora, começamos a torcer por resultados, e se acontecer, temos dois jogos, e temos ainda condições de vencer esses dois jogos.”, lamentou o treinador.

Com a derrota o Joinville fica em uma situação delicada na Série B. Com 34 pontos na classificação a equipe de Santa Catarina permanece na 17ª colocação, dentro da zona de rebaixamento da competição. Agora com três pontos a menos que o Oeste, primeiro colocado fora do Z-4. Vale lembrar que o Oeste ainda joga nesta rodada e pode aumentar para seis pontos essa distância.

O próximo duelo do Joinville será fundamental na briga contra o rebaixamento. A equipe de Santa Catarina vai enfrentar o Oeste fora de casa na próxima sexta-feira (18), às 20h30.