Gallo faz mistério para definir Náutico e encerra preparativos para duelo contra Criciúma

Apesar da indefinição, comandante alvirrubro deverá manter equipe titular que conquistou o 3º lugar do Pernambucano

Gallo faz mistério para definir Náutico e encerra preparativos para duelo contra Criciúma
Última atividade foi realizada já em solos catarinenses e com a ausência de Maylson que, mesmo regularizado, não viajou com o grupo (Foto: Divulgação/Náutico)

Motivado pela vaga na Copa do Nordeste 2017, após bater o Salgueiro em dois jogos na disputa pelo 3º lugar, o Náutico vai estrear na Série B do Campeonato Brasileiro 2016. Na tarde desta sexta-feira (13), já em Criciúma, o Timbu encerrou a preparação para o embate contra o time de mesmo nome da cidade.

Ao longo da semana, todas as atividades no CT Wilson Campos foram fechadas à imprensa e cercadas de mistério por parte do comandante Alexandre Gallo. Indefinições à parte, a tendência é de que o técnico mantenha a base que levou a melhor diante do Salgueiro, sem poder contar com os novos reforços.

O meia Maylson, apresentado nessa quinta-feira (12), foi regularizado e estará à disposição somente na 2ª rodada, em partida diante do Vila Nova, na Arena Pernambuco. Bem como o meio-campista, o volante Eurico e o lateral-esquerdo Mateus Müller também tiveram o nome publicado no BID e ficaram aptos para fazer a estreia pelo alvirrubro. O - recém-contratado - atacante Taiberson, por outro lado, ainda não está apto para jogar e não tem previsão para atuar.

O confronto com o Tigre será marcante ao goleiro Júlio César, que irá vestir a camisa do clube vermelho e branco pela centésima vez desde 2014, ano que chegou. O lateral-direito Joazi, formado nas categorias de base dos pernambucanos, renovou até 2018 e segue na posição. O zagueiro Ronaldo Alves, artilheiro na atual temporada, permanece de fora por conta de uma luxação no ombro direito, voltando apenas no duelo com o Sampaio Corrêa. Apesar disso, Gallo confirma manter o estilo de jogar, citando também as dificuldades a serem encontradas.

"Nosso estilo de jogo vai ser mais simples e objetivo possível, sendo prático. O momento não é de jogar com preciosismo, não é momento de dar espetáculo, porque não temos condições disso hoje. Temos que entender o adversário e termos muito cuidado, pois jogar lá é dificil. A torcida comparece e é vibrante", afirmou.

Ao que tudo indica, a equipe da Rosa e Silva deverá ir a campo com: Júlio César; Joazi, Rafael Pereira, Fabiano Eller e Henrique; Rodrigo Souza, Ygor, Esquerdinha, Caíque e Rony; Rafael Coelho. Já em solos catarinenses, o último trabalho foi realizado no campo do hotel que o grupo está hospedado, no entanto sem muitas novidades.