Náutico encerra preparação para jogo contra Londrina com dúvidas no time titular

Gallo faz mistério para definir equipe na última movimentação, deixando em aberto como o Timbu vai encarar o Tubarão

Náutico encerra preparação para jogo contra Londrina com dúvidas no time titular
Atividade, fechada à imprensa, foi realizada no CT do time paranaense (Foto: Divulgação/Náutico)

O Náutico encerrou a preparação para o jogo contra o Londrina na tarde desta segunda-feira (23), em atividade fechada à imprensa no CT do clube paranaense. Os alvirrubros duelarão com um adversário que ainda não venceu na Série B do Campeonato Brasileiro 2016 e usará o fator casa para somar a primeira vitória.

Certo é que o Timbu não terá os zagueiros Fabiano Eller, vetado com dores na coxa após ficar ausente contra o Vila Nova, e Ronaldo Alves, ainda se recuperando de uma luxação no ombro. Quem também não joga é o atacante Bérgson, expulso diante do Tigre, na última rodada. O meio-campista Maylson e o lateral-esquerdo Mateus Müller, que estrearam contra o Colorado, seguem no time titular.

Já o defensor Eduardo, que foi emprestado pelo Internacional, está regularizado pela CBF e poderá formar a dupla de zaga com Rafael Pereira. Esquerdinha, que saiu reclamando de dores na partida com os goianos, pode abrir vaga para a volta de Rafael Coelho ao ataque, com o jovem Jefferson Nem sendo deslocado ao meio.

Com isso, o alvirrubro deve ir a campo com: Júlio César; Joazi, Rafael Pereira, Eduardo (Gastón Filgueira) e Mateus Müller; Rodrigo Souza, Maylson, Rony, Caíque e Jefferson Nem; Rafael Coelho. As ausências diante dos celestes, contudo, muito provavelmente deverão ser opção no compromisso com o Sampaio Corrêa, na próxima sexta-feira (27), na Arena Pernambuco.

Peça já garantida entre os 11 do escrete pernambucano, o goleiro e capitão Júlio César mostra otimismo para o compromisso. O camisa 1 da equipe da Rosa e Silva destaca que o objetivo é ficar na parte de cima da tabela, visando manter o equilíbrio no certame e crescer no melhor momento para alcançar o acesso à elite do futebol nacional.

"A gente sabe que os três pontos, agora, nos colocam em uma situação boa para fazer mais um jogo em casa. Então, que possamos fazer um bom jogo agora e ficar na parte da frente da tabela, para que estejamos pelo menos entre os oito primeiros e, quando o campeonato começar a afunilar, a gente consiga dar um sprint e estar mais em cima. Então é fundamental vencer fora de casa, porque também dá confiança", disse o arqueiro.