Lateral-direito Hayner é apresentado e mostra motivação para atuar pelo Náutico

Atleta, que estava defendendo as cores do Bahia, fica até o fim do ano no Timbu por empréstimo e se diz pronto para jogar

Lateral-direito Hayner é apresentado e mostra motivação para atuar pelo Náutico
Jogador promete briga sadia por vaga no time titular com Joazi (Foto: Divulgação/Náutico)

Seguindo na intertemporada para disputar o segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro, o Náutico apresentou oficialmente na tarde desta quinta-feira (11) mais um reforço para se manter na briga para voltar à elite do futebol. Trata-se do lateral-direito Hayner, que foi afastado do elenco do Bahia e chega por empréstimo até o final da temporada.

Com apenas seis jogos na Segundona, o atleta está há mais de um mês sem atuar, o que o deixou sem ritmo. Disposto para se recuperar nas questões físicas, o ala destacou o estilo de jogar e mostrou vontade de querer ajudar o Timbu a seguir lutando pelos objetivos traçados esse ano.

"Vou voltar com tudo para poder ajudar o Náutico. Tenho velocidade e gosto de ir para dentro do adversário, pois tenho a ambição de passar por ele e jogar a bola na área. Sou driblador, contudo também gosto de marcar. Por dentro, por fora, não vai mudar nada. O negócio é ir para dentro do cara", afirmou, explicando brevemente as causas de deixar o Tricolor de Aço e prometendo ter disputa sadia por uma vaga entre os 11.

"Fui afastado no Bahia por alguns motivos e procurei meu empresário. Conversei com ele e procurei outros times para atuar, aí me apareceu o Náutico. Como o professor Gallo disse, ele já vinha me vendo jogar, me acompanhando na Série B e aconteceu de eu vir para cá. Vou trabalhar forte para procurar o meu espaço e buscar virar titular, mas será uma disputa sadia", completou o novo jogador alvirrubro.

Feliz com a oportunidade de defender o time pernambucano, Hayner se diz motivado para ir a campo, esperando usá-la para retornar a se projetar nacionalmente. O lateral ainda disse se inspirar em Douglas Santos, revelado na equipe da Rosa e Silva e que está na Seleção Sub-23 nos Jogos Olimpícos, sendo um dos destaques na vitória diante da Dinamarca.

"Trato essa oportunidade como se fosse a última de minha vida, porque o cavalo branco não vai passar sempre. Ele passou uma vez na minha vida e agora passou novamente, mas agora vou agarrá-lo. Douglas fez uma excelente partida (contra a Dinamarca). Não tem o porquê não se inspirar nele", encerrou.

Timbu encaminha contratação de zagueiro Adalberto

Outro nome que chega nesse intervalo para dar sequência à segunda divisão nacional é o zagueiro Adalberto, que não foi oficializado pela diretoria. O defensor vem para suprir a saída de Eduardo, que tem os direitos federativos pertencentes ao Internacional e teve seu retorno solicitado pelo Colorado. Mesmo que já conte com Rafael Pereira, Léo Pereira, Igor Rabello e o garoto da base Ruan, bem como Adalberto, o diretor de futebol Eduardo Henriques não descarta outra peça para o setor, elogiando o atleta.

"Nós da diretoria (de futebol) vamos conversar com a comissão técnica e avaliar a necessidade de trazer outro zagueiro. A nossa procura está incessante, porém o mercado está difícil, pois jogador bom é caro e nós estamos tentando. Adalberto é um jogador experiente e que se destaca pela raça. Também está acostumado a chegar bem na frente e marcar gols. No Fortaleza, chamou atenção pela força", declarou o dirigente.