Em situações opostas, Náutico e Santa Cruz fazem sétimo clássico da temporada

Sétimo clássico pernambucano mostra faceta de equipes que a preço de hoje disputam a Série B por objetivos opostos

Em situações opostas, Náutico e Santa Cruz fazem sétimo clássico da temporada
Foto: Leo Lemos/Náutico
Náutico
Santa Cruz
Náutico: Tiago Cardoso; Sueliton, Breno, Feliphe Gabriel e Léo Carioca; Darlan, Amaral e Giovanni; Erick, Henrique Ávila (Diego Miranda) e Gerônimo. Beto Campos
Santa Cruz: Julio Cesar; Gabriel Vallés, Jaime, Bruno Silva e Tiago Costa; Wellington Cézar, Derley e João Paulo; André Luís, Augusto e Halef Pitbull
ÁRBITRO: Elmo Alves resende cunha (go)
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 14° rodada da série b

A Arena Pernambuco será testemunha do sétimo clássico das emoções. Náutico e Santa Cruz vão se enfrentar pela 14° rodada da Série B em momentos e posições bem diferentes. O duelo acontecerá neste sábado às 16h30. 

Vindo de empate diante do líder Juventude, o Timbu novamente jogará com a torcida e mando de campo a seu favor. O resultado deixou o clube ainda na lanterna do Campeonato Brasileiro com apenas seis pontos ganhos. Longe de Recife, a Cobra Coral também ficou no empate contra o Luverdense e hoje é o 9° colocado, cinco pontos atrás do Vila Nova, primeiro dentro do G-4.

Timbu seguiu preparação firme mesmo com lanterna

A situação ainda não é boa para o Náutico. No entanto, o momento já foi pior. Em 13 jogos, foram três empates, apenas uma vitória e nove derrotas. Mas nas últimas duas partidas, o clube somou quatro de seis pontos, chegando no único resultado positivo no último sábado (8) contra o ABC em Natal.

O técnico Beto Campos enfatizou que o apoio incondicional do torcedor será fator determinante na recuperação do clube. “É importantíssimo ter o torcedor ao nosso lado, principalmente no momento difícil em termos de pontuação. Porém, a torcida está vendo no campo os atletas honrando o clube e correndo o tempo todo. Podíamos ter tido um resultado melhor contra o Juventude, mas jogamos de igual para igual contra a melhor equipe da competição. Peço que os alvirrubros continuem ao nosso lado porque assim sairemos dessa situação”.

Campo ressaltou que a escalação definitiva será mostrada apenas poucos instantes antes do apito inicial. Gilmar não é certeza, tendo Gerônimo como nome principal para substituir o atacante. A caminhada do Náutico será árdua e o time precisará pontuar cada rodada para sair da degola.

Givanildo confirma Pitbull para o clássico

No lado tricolor de Pernambuco, os dias não tem sido ruins, mas não há nada de comemoração também. Nos últimos cinco jogos, apenas um deles terminou com vitória do Santa Cruz. Sobre a escalação, o Santa seguirá exemplo do rival e só divulgará os onze iniciais minutos antes do início do jogo.

Porém, uma certeza foi firmada por Givanildo Oliveira: Halef Pitbull estará no ataque provavelmente com Augusto como seu parceiro. “Pitbull vai começar o jogo. Para o restante do time, vamos aguardar um pouquinho. William Barbio saiu com problema na panturrilha, o próprio Augusto saiu com problema. Temos essas condições de contusão, vamos analisar para ver quem vamos colocar”, disse Giva.

O ataque é talvez a maior dúvida do comandante nordestino. Ricardo Bueno foi vetado pelo departamento médico. O atacante está sentindo dores no joelho, após uma pancada sofrida na partida contra o Luverdense. 

Náutico