Após vitória, Roberto Fernandes exalta atitude do grupo: ''Já vejo alegria''

Treinador que inicia sua quarta passagem no Timbu, também falou sobre a saída do goleiro Tiago Cardoso do clube

Após vitória, Roberto Fernandes exalta atitude do grupo: ''Já vejo alegria''
Roberto exaltou a atitude dos jogadores alvirrubros(Foto: Divulgação / Clube Náutico Capibaribe)

O duelo entre Náutico e Luverdense, válido pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, marcou a reestreia do treinador Roberto Fernandes no Alvirrubro Pernambucano. Em sua quarta passagem no Timbu, onde já trabalhou em 2007, 2008 e 2010, Roberto é o quinto técnico a assumir o clube na atual temporada, depois de Dado Cavalcanti, Milton Cruz, Waldemar Lemos e Beto Campos.

O começo foi com o pé direito. Apesar das dificuldades, o Náutico venceu por 1x0 com gol de Erick, conquistando sua primeira vitória como mandante no campeonato. Na entrevista após a partida, o novo comandante exaltou a atitude de seus atletas, apontando como um fator fundamental para o triunfo desta sexta-feira (04).

‘’A atitude dos jogadores no vestiário antes da partida, em campo e nos treinos me deixa muito feliz. Eu já vejo alegria, e sei que esse grupo vai vender muito caro as derrotas. Com a vitória, é mais fácil de corrigir as coisas’’, disse.

Além do confronto diante da Luverdense, a terça-feira do Timbu foi marcada também pela saída do goleiro Tiago Cardoso. Acertado com o clube desde dezembro de 2016, o arqueiro foi titular durante toda a temporada e estava concentrado para jogar, mas se reuniu com a direção alvirrubra e pediu desligamento. Porém, a princípio Roberto não pedirá a contratação de um novo camisa 1, dando uma chance para o prata da casa Jefferson, que já foi titular diante dos mato-grossenses.

‘’Após a saída do Tiago, tive uma conversa muito boa com o Jefferson no final da tarde, antes da preleção. Falei que ele já havia tido quatro oportunidades durante a competição, mas independentemente da atuação que tivesse, ele sabia que no jogo seguinte estaria no banco de reservas. Falei que agora a bola está com ele. Cabe a ele conquistar a minha confiança e a do torcedor para que a gente não tenha problema nessa posição’’, afirmou o treinador.

Ainda na lanterna com 14 pontos, mas visando dar continuidade à reação, o Náutico enfrenta na próxima rodada América MG, no Independência, em Minas Gerais. O jogo está marcado para a próxima sexta (11), às 21:30, e o Coelho é o líder da competição, com 36 pontos.


Share on Facebook