Meia Giovanni demonstra motivação do Náutico para deixar zona de rebaixamento

Após sair da lanterna, meio-campista do Timbu celebra bom momento e aponta chegada de Roberto Fernandes como fundamental para sair do Z-4

Meia Giovanni demonstra motivação do Náutico para deixar zona de rebaixamento
Jogador deverá continuar como titular ao lado de Bruno Mota na armação do time alvirrubro (Foto: Léo Lemos/Náutico)

Após começo conturbado na Série B do Campeonato Brasileiro 2018, o Náutico vem se reabilitando desde a chegada de Roberto Fernandes e visando se aproximar da saída tão da temida zona de rebaixamento. O que motiva são as vitórias - contra o Brasil nessa última rodada - e resultados ruins de adversários próximos.

Com o triunfo e o fracasso dos rivais, o Timbu continua a cinco pontos do primeiro fora da degola, o que faz o grupo ficar tranquilo pela briga. O meia Giovanni, um dos principais nomes, é quem demonstra maior motivação, pois comemora o bom momento vivido pelo time e aprova a recuperação.

"Sem dúvida nenhuma que sai todo o peso e você vem trabalhar mais leve, ainda mais agora, com as vitórias se encaixando e com a distância sendo bem menor. O clima vai melhorando e estamos vindo trabalhar um pouco mais felizes, a confiança vai voltando e nos jogos a gente vai evoluindo e vencendo", assegurou o jogador, que é titular e enaltece o elenco alvirrubro.

Meia-atacante alvirrubro esteve em campo na vitória sobre o Brasil na Arena (Foto: Léo Lemos/Náutico)
Meia-atacante alvirrubro esteve em campo na vitória diante do Brasil na Arena (Foto: Léo Lemos/Náutico)

"Desde que cheguei, creio que é meu melhor momento aqui no clube e não só meu, mas de todos os jogadores. Sabemos também que não conquistamos nada e não adianta fazer as partidas que fazemos e não sair dessa situação. Estamos com os pés no chão e trabalhando todos os dias muito forte para poder chegar, fazer a diferença, vencer e sair da zona, que é muito incômoda", completou.

Empolgado também com a alteração no comando, o articulador exalta a dedicação apresentada depois do treinador dar um novo fôlego para a equipe. De acordo com o meio-campista, a evolução longe de casa é o ponto mais positivo para poder deixar o Z-4, apesar de duas derrotas com Roberto.

"Na situação que nós estamos, precisaremos vencer todos esses jogos em casa e procurar pontuar fora. Desde que Roberto chegou, fizemos boas partidas longe de casa. O Ceará é um exemplo disso, quando nós jogamos bem e fizemos uma boa partida, mas não vencemos. A vitória está próxima e temos que estar bem para conseguir os três pontos na casa do adversário", encerrou.