Roberto Fernandes enaltece elenco alvirrubro: "Superação é o nosso nome"

Treinador reconheceu os problemas da equipe e afirmou que será um campeonato de sofrimento até o fim

Roberto Fernandes enaltece elenco alvirrubro: "Superação é o nosso nome"
Foto: Comunicação/Clube Náutico Capibaribe

Neste sábado (30), Náutico triunfou sobre o Boa Esporte por 2 a 0 e renovou as esperanças alvirrubras para manter a equipe viva na luta contra o rebaixamento. Após a partida, o treinador Roberto Fernandes exaltou a postura do time e afirmou que estão em uma crescente de melhora.

“Acredito que a superação é o nome do Náutico. Não tem que falar muito. O Boa tinha apenas 17 pontos na nossa frente. É um campeonato de superação. Nossa equipe melhora a cada jogo, mas é com superação e são jogos difíceis. Carecemos de melhorar em alguns aspectos, mas tem coisa que não vai melhorar da noite para o dia. Quando o Náutico entra em campo, pela sua história é uma coisa, pela realidade que estamos vivendo é outra”, disse.

Na visão do comandante, o Timbu fez um bom primeiro tempo, mas no segundo foi dominado pelo adversário. Roberto ainda acrescentou que as lesões do lateral-esquerdo Henrique Ávilas e do atacante Rafael Oliveira prejudicou o esquema tático da equipe.

"Fizemos um primeiro tempo equilibrado, cometendo alguns equívocos, mas fomos equilibrados. No segundo tempo, o Boa atropelou a gente. E em todos os aspectos. Mudamos duas vezes por causa de lesão. Não podemos fazer uma mudança tática, que era necessária, mas eu fiquei refém. Eu ia escolher entre dar mais agressividade no início da marcação, com mais um atacante, ou colocar mais um volante. Mas se eu colocasse mais um volante, era muito sofrimento. E, na frente, só dois ou três atacantes podendo fazer gols", concluiu Roberto Fernandes.

Náutico