Lesões atrapalham trabalho do técnico Roberto Fernandes

Comandante alvirrubro tem dificuldades de repetir a equipe pelo excesso de lesões. Só para o jogo contra o Goiás, cinco jogadores não poderão atuar

Lesões atrapalham trabalho do técnico Roberto Fernandes
Apesar de todos os problemas, Fernandes já escolheu os substitutos (Foto: Divulgação / Náutico)

Como se não bastasse os problemas por estar na zona de rebaixamento há bastante tempo e precisar vencer uma boa quantidade de jogos para permanecer na Série B, Roberto Fernandes tem que encarar agora um novo problema comandando o Náutico. O excesso de lesões da equipe, o que vem atrapalhando o técnico na hora de repetir as escalações e dar sequência ao time titular.

Uma delas foi um verdadeiro baque para o comandante alvirrubro. O atacante Rafael Oliveira, contratado durante a competição, fez exame e ficou constatado o rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho direito, que o tira do restante do campeonato.

“O Rafael teve uma entrose no joelho com a lesão completa do ligamento cruzado anterior do joelho direito. Vai precisar, antes do procedimento cirúrgico, passar por um tempo de fisioterapia para diminuir o processo inflamatório e ganhar uma amplitude maior do movimento do joelho. Terá o retorno das atividades em seis meses”, afirmou o médico do Náutico, Luiz Marcelo.

Possível substituto de Rafael, o atacante Vinícius é mais um que está fora da temporada. Ele se destacou nos primeiros jogos, marcando gols importantes, mas desde o início, sempre sofreu com lesões. Por ter lombalgia recidivante (quando a dor vai e volta), o atacante teve que tomar uma medicação que acusa no antidoping por pelo menos três semanas. Além disso, o tempo de recuperação física não seria o suficiente.

Outro importante jogador que vinha se destacando, não só pelo seu desempenho dentro de campo, mas por sua postura fora dele, é o zagueiro Breno Calixto. Depois de ter se recuperado de uma lesão na coxa direita, ele voltou a sentir e deverá ficar de fora do time por até 20 dias. O seu substituto imediato é o prata da casa Feliphe Gabriel.

Além deles, há também os desfalques de Ávila e Léo Carioca. Com isso, o timba deve ir a campo contra o Goiás, na próxima sexta (5), com: Jefferson; Sueliton, Aislan, Feliphe Gabriel e Manoel; Amaral, Miranda e Giovanni; Rafinha, Dico e William.

Náutico