Para manter liderança do Pernambucano, Náutico visita o Pesqueira no Agreste

Para sair da lanterna, a equipe do Agreste precisa vencer o Náutico e torcer contra o Santa Cruz

Para manter liderança do Pernambucano, Náutico visita o Pesqueira no Agreste
No Náutico, Bruno assumirá a titularidade e fará sua estreia contra o Pesqueira (Foto: Léo Lemos/Náutico)
Pesqueira
Náutico
Pesqueira: Juca, Romário, Fábio, Fabinho e Rogério; Valber, Jhonata e Miller; Luciano Grafite, Daniel e Fábio Faquinha. Técnico: Lima
Náutico: Bruno; Thiago Ennes, Breno Calixto, Cleidson Camutanga e Negretti; Kevyn, Clebinho e Wallace Pernambucano; Tharcysio, Josa e Gabriel Araújo. Técnico: Roberto Fernandes
ÁRBITRO: Diego Fernando auxiliado por Bruno Vieira e Humberto Martins
INCIDENCIAS: Partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Pernambucano 2018, a ser disputada no Estádio Joaquim de Britto, em Pesqueira

Em duelo de lanterna contra líder, o Pesqueira espera conquistar sua primeira vitória na temporada. Já o Náutico, apesar da boa colocação, ainda não conseguiu vencer fora de casa em 2018 e terá a chance de conquistar os três pontos fora.

A Águia do Agreste fez três partidas até o momento – uma a menos que o Náutico –, e tem apenas um gol marcado, na 3ª rodada, contra o Vitória. O ataque menos efetivo do campeonato, ao lado do Afogados, que também tem apenas um gol marcado.

Já o Timbu, apesar de empatar com o Vitória na Arena de Pernambuco pelo estadual, jogou no meio da semana pela Copa do Brasil e conseguiu a classificação para a segunda fase. Com o pequeno intervalo entre as partidas, a equipe deverá jogar com time misto.

Pesqueira busca a primeira vitória na temporada

A equipe comandada por Lima, ex zagueiro que conquistou o tricampeonato pernambucano pelo Náutico, terá que vencer o Timbu e contar com um tropeço do Santa Cruz para deixar a lanterna do Pernambucano.

Para a partida, a única dúvida é a situação do meia Miller, lesionado. Os demais, serão os mesmos atletas que enfrentaram o Sport na segunda-feira. Lima, confiante, ressaltou que deverá manter o estilo de jogo mas que espera resultados melhores em campo.

- Fizemos um bom jogo contra o Sport e pretendemos manter o ritmo e o estilo de jogo. Estamos motivados. É vencer ou vencer. A única forma de reverter esse quadro é vencendo. Não adiante jogar bem e não vencer. A equipe está focada, quer vencer e sabe a responsabilidade que representa essa partida.

Náutico vai ao Agreste com novidades na equipe

Um calendário apertado marca o início de ano do Náutico, que disputa a Copa do Nordeste e Copa do Brasil além do Campeonato Pernambucano. Com tantos jogos, alguns atletas precisam ser poupados para que não haja um desgaste que cause lesão mais grave.

O goleiro Jefferson, que estava na sua oitava partida consecutiva em pouco mais de 20 dias, sofreu lesão na coxa esquerda e desfalcará o Timbu por pelo menos um mês. O seu reserva direto, Bruno, também formado nas categorias de base do Náutico, assumirá a titularidade.

Além dessa modificação, outras mudanças devem acontecer na equipe que enfrentará o Pesqueira. Para o técnico Roberto Fernandes, todos os jogadores do elenco devem ser aproveitados para que não haja sobrecarga nesse início de temporada.

Sobre as opções do elenco, o vice-presidente alvirrubro Diógenes Braga explicou que usar todos os jogadores não é uma opção, é a necessidade. Mas Diógenes garantiu que isso não é um problema, pois todos os atletas estão aptos a jogar e defender o clube.

- Esse começo vai ser muito pesado e a gente vai ter que usar todo o elenco. Se temos o elenco na casa de 30, 32 jogadores, não é para jogar onze mais três do banco e ficarem 15 jogadores sem oportunidade de jogar. Vai jogar todo mundo. Está no elenco do Náutico porque tem condições de vestir a camisa e entrar em campo.