Cuca expõe insatisfação de Lucas Barrios no Palmeiras e jogador se justifica à torcida

Em entrevista na última segunda-feira (27), técnico alviverde disse que o paraguaio pediu para ser negociado e Barrios explicou estar infeliz com sua situação no clube

Cuca expõe insatisfação de Lucas Barrios no Palmeiras e jogador se justifica à torcida
Paulo Nobre, Cuca e Lucas Barrios terão uma reunião para decidir o futuro do alteta ( Foto: Rafael Costa / VAVEL Brasil)

Na noite desta segunda-feira (27) o técnico Cuca disse em entrevista concedida para a Rádio Bandeirantes que Lucas Barrios pediu para sair do Palmeiras. O atacante teve uma série de lesões, as quais impediram de ter uma sequência no Verdão.

Cuca expôs a situação de Barrios, onde confessou que o atacante não estava feliz e pediu para ser negociado: "O Barrios conversou comigo há uma semana, disse que não estava feliz, que preferia jogar em outro lugar, que tinha proposta. Eu passei isso para o Alexandre Mattos (diretor de futebol). O Alexandre conversou com ele, não teve entendimento e ele está de novo à minha disposição", comentou.

O Treinador disse que o paraguaio recebeu proposta de fora do país e isso poderia ter tirado o seu foco: "O Lucas ( Barrios) tem proposta de fora, assim como o Cristaldo também tem. Enquanto não chega o fim da janela, isso fica incomodando. Agora, você tem que sentir o comprometimento do jogador. Isso que a gente espera. O que acontece: o Lucas Barrios machucou depois do jogo contra o Atlético-PR, demorou para curar, não teve uma condição física ainda de estar ao natural", relatou Cuca.

Barrios não gostou da declaração de seu técnico e rebateu em suas redes sociais: "Quero me dirigir a todos os torcedores do Palmeiras e a meus seguidores. (Estou) recuperado já há 10 dias. Não deixem que lhe digam mentiras. Sempre fui um grande profissional  comprometido com o clube", desabafou o atleta.

Nesta terça-feira (28) em uma entrevista para o canal SporTVLucas Barrios explicou sua situação no clube e disse ficar surpreso pela entrevista do treinador.

"Primeiro tenho que falar para a torcida, sempre estive comprometido, até hoje estou comprometido. A situação é difícil no Palmeiras, o Campeoanto Paulista não foi fácil para mim, tive uma lesão, sempre respeitei a opção do treinador de escalar o time, sempre respeitei, sempre treinei, nunca falei nada. Todos sabem que sempre fui profissional, respeitando as decisões técnicas e táticas. Se não estou no time, eu respeito a todos meus companheiros, vou fazer o melhor para todo mundo estar feliz", comentou em tom de desabafo.

Barrios afirmou que estava pronto para jogar desde a partida contra o Santa Cruz, apesar de não ter sido relacionado. O atleta elogiou Cuca e explicou que não estava contente com seu momento no clube. 

"Ontem eu recebi muitas críticas, essa semana que falei com Cuca eu já estava pronto contra o Santa Cruz  e não fui relacionado. Entendi, o time está bem, ele é bom treinador, trabalha muito bem, mas ontem, depois que o treinador falou que eu  pedi pra sair, eu conversei com ele, Valentim e outro auxiliar. A verdade é que não estava contente com a situação, estou feliz em jogar em um time como o Palmeiras, tive a sorte de ser campeão. Quando escuto que não estou comprometido eu tenho que falar, e o que eu disse para o treinador era que não estava feliz com a situação", afirmou.

Barrios disse que terá uma reunião nesta terça-feira (28) com a diretoria e a comissão técnica, apesar da possibilidade de sair, o jogador espera que aconteça o melhor para o Palmeiras: "Eu não sei o que vai acontecer, muito difícil falar agora. Tenho reunião com  o presidente e treinador hoje, que seja o melhor para o Palmeiras, o clube está  acima de todo mundo, jogador, treinador, presidente", finalizou.