Tchê Tchê minimiza primeira derrota em casa: "Estamos na liderança e isso é o que importa"

Volante do Verdão se mostrou ciente de que uma hora o revés em casa iria acontecer, mas não demonstrou preocupação; Estreante, Vagner também comentou sobre a partida diante do Galo

Tchê Tchê minimiza primeira derrota em casa: "Estamos na liderança e isso é o que importa"
Para Tchê Tchê, a derrota em casa uma hora iria chegar (Foto: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação)

Enfrentando o Atlético-MG no Allianz Parque em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras sofreu a primeira derrota em seus domínios. Uma atuação limitada, com tropeços nos próprios pés e domínio do adversário foi o ponto chave para que o líder do campeonato perdesse a invencibilidade como mandante diante do time de seu ex-comandante Marcelo Oliveira.

Confira como foi o tempo real de Palmeiras x Atlético-MG

Na saída de campo, o goleiro Vagner, que supriu a ausência de Fernando Prass, convocado para a seleção olímpica, comentou sobre a primeira derrota em casa do Palmeiras. Sua esteia como titular do Verdão foi marcada por derrota, mas para ele, nem tudo está perdido.

"Estou feliz por ter estreado, depois de sete meses tive uma oportunidade. Infelizmente a estreia não foi como gostaria. Saímos derrotados, mas temos uma semana pra trabalhar agora. Temos um grande jogo contra o Botafogo lá (fora de casa) e precisamos vencer", comentou o estreante do dia. 

Com pensamento positivo, Vagner ainda ressaltou que é preciso manter o foco e frisou o bom elenco do Palmeiras, além de lembrar que é preciso esforço para que o time continue na ponta da tabela.

"Vamos manter a cabeça boa. Hoje o calor atrapalhou um pouco, mas sabemos que temos uma grande equipe. Precisamos trabalhar pra manter a liderança", concluiu.

Vagner em um dos lances de sua estreia pelo Palmeiras (Foto: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação)
Vagner em um dos lances de sua estreia pelo Palmeiras (Foto: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação)

Quem também comentou sobre a partida foi Tchê Tchê, um dos poucos destaques do Palmeiras na partida. Para ele, o maior revés foi pecar nas finalizações. Além disso, o atleta palmeirense também afirmou que uma hora a invencibilidade como mandante iria ser batida.

"Faltou caprichar um pouco mais no último passe. Infelizmente a gente não conseguiu sair com a vitória hoje, mas nenhum time é imbatível. Uma hora iria acontecer esse tropeço. Mas a gente se mantém na liderança e isso é o que importa", afirmou.

Quando questionado sobre a diferença de pontos entre Palmeiras e Corinthians, Tchê Tchê comentou sobre o equilíbrio no campeonato e novamente reforçou que o tropeço poderia acontecer a qualquer momento. Ainda que tenha sofrido a derrota, para ele, o Palmeiras está caminhando na direção certa.

"O campeonato é muito difícil, infelizmente a gente perdeu hoje quando podia abrir cinco pontos de diferença, mas o campeonato é muito equilibrado, uma hora a gente ia tropeçar. Apesar disso estamos no caminho certo", finalizou o jogador alviverde.

Com o resultado, o Verdão se mantém líder com 32 pontos, dois a mais que o Corinthians, segundo colocado. Na próxima rodada, o Verdão enfrenta o Botafogo na segunda-feira (01), no estádio Luso-Brasileiro às 20h.