Palmeiras recebe Vitória buscando reassumir a liderança do Campeonato Brasileiro

Alviverde visa ponta da tabela, já que perdeu a liderança para o rival Santos; Leão vem de uma boa vitória e espera embalar na competição

Palmeiras recebe Vitória buscando reassumir a liderança do Campeonato Brasileiro
(Foto: Eduardo Martins)
Palmeiras
Vitória
Palmeiras: Vagner; Jean, Vitor Hugo, Thiago Martins e Zé Roberto; Thiago Santos, Tchê Tchê e Moisés; Erik, Dudu e Leandro Pereira. Técnico: Cuca
Vitória: Fernando Miguel; Diego Renan, Kanu, Victor Ramos e Euller; Willian Farias, Amaral e Cárdenas; Marinho, Vander e Kieza. Técnico: Vagner Mancini
ÁRBITRO: Braulio da Silva Machado (SC)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Palmeiras, em São Paulo

Neste domingo (07), às 16h, na Arena Palmeiras, o Verdão duela contra o Vitória, em jogo válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida tem tudo para ser emocionante pelo fato do time da casa querer voltar à liderar a Série A. 

O Palmeiras vive um dilema por causa das ausências de Gabriel Jesus, que está com a Seleção Brasileira na Olímpiada, e Fernando Prass, machucado. A equipe caiu de rendimento e não vence há três jogos, sendo duas derrotas e um empate. Isso fez com que o Verdão caísse para o segundo lugar na tabela. 

Pelo lado baiano, a virada diante do Coritiba na rodada passada fez a motivação para o jogo deste domingo ser ainda maior. Antes da vitória, o time vinha de uma sequência de cinco jogos sem ganhar e a confiança estava abalada. Agora, Vagner Mancini espera voltar de São Paulo com pontos na bagagem.

Palmeiras quer melhorar o desempenho e voltar ao primeiro lugar

Depois de empatar com a Chapecoense e perder para Botafogo e Atlético-MG, o time comandado por Cuca quer usar o fator casa para encontrar novamente o caminho das vitórias e jogar bem.

Mesmo contando com bastante opções no elenco, o alviverde vem sofrendo com as ausências de Prass e Jesus. Os gols diminuíram e os substitutos não vêm rendendo o esperado. O goleiro Vagner falhou na rodada passada, não agradou o técnico Cuca e pode ser sacado para a entrada de Jaílson. Já na frente, Leandro Pereira ainda não balançou as redes e Barrios não vem sendo usado como titular. Os desfalques para o próximo confronto são os zagueiros Edu Dracena e Mina, e o atacante Alecsandro. Além de Prass e Gabriel Jesus.

O jogo contra o Vitória será determinante para a equipe paulista. Com o apoio do torcedor, ganhar é a única opção para o time não se afastar do Santos e brigar pela liderança. Para isso, todos os atletas esperam a Arena lotada para apoiar a equipe.

"Essa força vinda da arquibancada faz a diferença e podem ter certeza de que iremos nos dedicar 110% em todos os jogos para brigar por esse título", disse o atacante Barrios.

Leão espera pontuar para se afastar da zona do rebaixamento

Na rodada passada, o time baiano quebrou uma amarga sequência de cinco jogos sem vencer. O Vitória virou  jogo diante do Coritiba e conseguiu pontos importantes para a luta contra a zona da degola. São quatro pontos de distancia do Z4 e a equipe comandada por Vagner Mancini quer se manter longe do grupo dos últimos quatro colocados.

Para a partida deste domingo, o Vitória terá como desfalque o atacante Dagoberto, que sentiu um desconforto muscular e será poupado. Vander e Flávio brigam pela posição ao lado de Marinho e Kieza no ataque. Na defesa, Victor Ramos volta ao time titular após cumprir suspensão na rodada passada.

Vagner Mancini espera usar as últimas más atuações do adversário para surpreender fora de casa e trazer a vitória para a Bahia. O Vitória têm jogado bem longe de seus domínios e já conquistou resultados importantes contra Grêmio e Cruzeiro, por exemplo.

"O Palmeiras vai ter uma certa pressão por parte de seus torcedores.  E o Vitória tem que saber que nós vamos enfrentar uma equipe com um ataque extremamente veloz. Então, quando mais a gente der campo para eles jogarem nas nossas costas, vai encaixar mais o jogo do Palmeiras, que é um time que tem feito gols no começo da partida e usado o contra-ataque como sua maior arma. O Vitória vai marcar um pouquinho mais atrás para tentar tirar espaço do Erick e Dudu e dos volantes que chegam de trás como Moisés e Tchê Tchê", falou o treinador.