Em bom jogo no Pacaembu, Palmeiras vence Coritiba e continua no G-4

Verdão e Coxa se enfrentaram no último jogo da 24ª rodada do Campeonato Brasileiro; mandantes contaram com gol de Jean

Em bom jogo no Pacaembu, Palmeiras vence Coritiba e continua no G-4
Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras
Palmeiras
1 0
Coritiba
Palmeiras: FERNANDO PRASS; MAYKE, EDU DRACENA, JUNINHO E EGÍDIO; JEAN (Thiago santos), TCHÊ TCHÊ, MOISÉS; KENO (Róger Guedes), DUDU E DEYVERSON (Borja). TÉCNICO: CUCA.
Coritiba: WILSON; DODÔ, CLÉBER REIS, WALISSON E CARLETO; ANDERSON (Iago), ALAN SANTOS MATHEUS GALDEZANI; GETTERSON (rafael longuine), RILDO E HENRIQUE ALMEIDA (filigrana). TÉCNICO: MARCELO OLIVEIRA.
Placar: 1-0, Jean.
ÁRBITRO: dEWSON FERNANDO FREITAS DA SILVA (FIFA/PA), AUXILIADO POR HÉLCIO ARAÚJO NEVES (PA) E JOSÉ RICARDO GUIMARÃES COIMBRA (PA).
INCIDENCIAS: partida válida pela 24ª rodada do campeonato brasileiro, disputada no estádio do pacaembu, em são paulo - sp.

Na noite desta segunda-feira (18), o Palmeiras enfrentou o Coritiba no Estádio do Pacaembu e venceu por 1 a 0. A partida foi a última da 24ª quarta rodada do Campeonato Brasileiro, e o único gol marcado foi de Jean.

Com o resultado, o Verdão fica na quarta colocação, com 40 pontos ganhos e 13 atrás do líder. Já o Coxa acaba na zona de rebaixamento, na 18ª posição, com 27 pontos conquistados até o momento.

Depois desse jogo, o Palmeiras visitará o Fluminense, enquanto o Coritiba receberá o Botafogo. Ambas as partidas serão válidas pelo Campeonato Brasileiro, com inícios marcados para as 16h do próximo domingo (24).

Palmeiras é superior e marca no fim do primeiro tempo

As propostas de jogo eram claras desde o apito inicial: enquanto o Verdão buscava manter a posse, o Coxa pretendia usar a velocidade e jogar nos contra-ataques. A primeira grande chance foi dos mandantes, aos 7 minutos, quando Dudu recebeu bom lançamento e tocou para trás. Deyverson dominou dentro da área e finalizou forte para boa defesa de Wilson.

Aos 13, a bola sobrou para Egídio na intermediária, que arriscou um chute forte próximo ao ângulo direito do gol. Aos 17, veio a primeira grande chance do Coritiba: Walisson conseguiu cabecear em escanteio e obrigou uma bela defesa de Fernando Prass, quase dentro da meta.

Recuperado de lesão, Mayke espera continuar evoluindo no Palmeiras: "Estou no caminho certo"

Aos 24 minutos, Deyverson chutou rasteiro da entrada da área, mas sem perigo ao gol. A partir desse momento, o Palmeiras começou a dominar as ações, com boas triangulações e bastante pressão ofensiva, mas sem muitas chances claras. 

Somente aos 39 minutos, Dudu entrou na área e cruzou para Jean, que se jogou na bola e escorou para o gol. Após tantos ataques, o Verdão finalmente estufou as redes: 1 a 0. Logo depois, Dudu conseguiu sair na cada do goleiro Wilson e poderia aumentar a vantagem, mas o goleiro fez uma bela defesa com o pé.

Os visitantes ainda tentaram empatar, aos 44 minutos, em cobrança de falta que resultou em cabeceio perto do gol palmeirense. No entanto, já havia sido marcado o impedimento em boa jogada da zaga alviverde. Sem mais tempo, o juiz apitou o fim da primeira etapa.

Coritiba procura o gol, mas Verdão mantém resultado

A etapa final começou bastante intensa. Logo aos quatro minutos, Keno chegou à linha de fundo e cruzou rasteiro. A bola foi desviada pelo zagueiro Walisson e foi em direção ao gol, obrigando Wilson a fazer uma linda defesa.

Precisando do resultado, o Coxa partiu para o ataque, mas não conseguiu criar. Por sua vez, o Palmeiras chegou com perigo novamente aos 12, quando Moisés dominou dentro da área e dividiu com um adversário. A torcida pediu pênalti, mas o juiz não marcou.

Aos 20, ocorreu uma boa sequência de lances: Carleto cobrou falta na área palestrina, e Fernando Prass fez ótima defesa para evitar o gol. No contra-ataque, Mayke recebeu de Róger Guedes e cruzou fechado, porém Wilson afastou a bola.

O Palmeiras jogava um pouco melhor, atacando com mais intensidade e perigo. Mesmo assim, foi o Coritiba que quase marcou, com chute de Galdezani da intermediária, aos 30 minutos. A bola passou rente ao travessão e assustou os torcedores no Pacaembu.

Aos 36, Deyverson achou bom passe para Dudu, que finalizou na rede pelo lado de fora. No entanto, a jogada já estava parada por impedimento. Logo depois, Dudu recebeu na área e cabeceou, mas sem perigo para Wilson. Sem mais lances importantes, o árbitro apitou pela última vez e finalizou o jogo.