Retrospectiva VAVEL: os 10 melhores jogos da temporada do Palmeiras

Retrospectiva VAVEL: os 10 melhores jogos da temporada do Palmeiras
Top 10 jogos do palmeiras

O Ano do Palmeiras ficou aquém da expectativa no início da temporada, mas também não foi péssimo. O Verdão teve campanha decepcionantes no Paulista, Copa do Brasil e Libertadores, porém acabou como vice-campeão Brasileiro. A VAVEL Brasil montou um TOP-10 melhores jogos do Palmeiras no ano. Confira!

10 - Ataque brilha e garante vaga na Semifinal do Paulistão: Palmeiras 3 x 0 Novorizontino

O time até então comandado por Eduardo Baptista, fez sua primeira decisão no ano, pelo segundo jogo das quartas de final do Paulista, o Verdão bateu o Novorizontino no Pacaembu jogando muito bem, foi uma das partidas mais seguras do time, Willian abriu o placar aos 32 minutos da primeira etapa. O recém contratado Borja ampliou na segunda etapa, e Dudu fechou a conta no final da partida.

 

9 - Quebra de tabu na Vila Belmiro: Santos 1 x 2 Palmeiras

Após seis anos sem vencer o rival, em seu estádio, o Palmeiras voltou a vencer o Santos na Vila Belmiro e foi de virada, os donos da casa pressionaram muito,  com Fernando Prass inspirado, o Palmeiras se segurou até aos 29 minutos da segunda etapa, quando  Ricardo Oliveira abriu o placar. Foi então que o Alviverde mostrou o poder de reação, 10 minutos depois Jean empatou a partida. E aos 42 minutos Willian decretou a vitória do Palmeiras

 

8 - No último lance: Palmeiras 1 x 0 Jorge Wilstermann

Partida típica de Libertadores, o Palmeiras precisando da vitória partiu para o ataque desde o início do jogo, o adversário abusando da cera para ganhar tempo e garantir empate. Quando todos achavam  que o 0 a 0 não iria sair do placar, Yerri Mina apareceu dentro da área para completar para o gol e explodir o Allianz Parque aos 50 minutos da etapa final.

 

7 - Cucabol de volta: Palmeiras 4 x 0  Vasco

A partida que marcou a reestreia de Cuca no comando do Verdão, a equipe goleou o Vasco na estreia do Campeonato Brasileiro. Logo aos 6 minutos Jean abriu o placar, Guerra ampliou no final do primeiro tempo. Na volta do intervalo, demorou 40 segundo para Borja marcar o primeiro dele na partida, o último da goleada foi feito também pelo atacante colombiano no minuto 34.

 

6 - Mais uma vez no último lance: Palmeiras 3 x 2 Peñarol

Outra partida dramática do Palmeiras na Libertadores,  o Peñarol abriu o placar com Arias aos 31 da primeira etapa. O Verdão voltou com tudo no segundo tempo, logo no primeiro minuto Willian empatou a partida. Quatro minutos depois, Dudu virou o jogo para o Palmeiras. Mas os donos da casa recuaram muito e viram Gastón Rodriguez empatar novamente aos 30 minutos.

O Palmeiras foi no abafa novamente, com muita cera e confusão, Dudu acabou sendo expulso, mas mesmo assim a vitória veio, aos 54 minutos, isso mesmo, 54 minutos, Fabiano cabeceou para decretar a vitória emocionante do Verdão.

 

5 - Borja desencanta: Palmeiras 2 x 2 Cruzeiro

Na reta final do Brasileirão, o Palmeiras precisava vencer o Cruzeiro de qualquer jeito para continuar brigando pelo título Brasileiro, mas com uma infelicidade de Juninho, logo aos 5 minutos o Cruzeiro abriu o placar. O Alviverde foi buscar o resultado, Borja empatou aos 34 minutos. Logo em seguida, o atacante marcou mais um, porém o gol foi mal anulado. Na segunda etapa, o Cruzeiro apostou no contra-golpe e conseguiu marcar o segundo com Robinho no minuto 18 da segunda etapa. Borja apareceu mais uma vez para resolver, aos 40 minutos, o atacante dentro da área aproveitou o rebote e mandou para o gol, empatando a partida.

 

4 - Willian decide: Palmeiras 4 a 2 São Paulo

Foi um jogo típico de Choque-Rei, o São Paulo abriu o placar no começo do jogo com Marcos Guilherme, o Palmeiras foi buscar o resultado, foi ai que brilhou a estrela de Willian que empatou aos 35. Dois minutos depois, o camisa 29 fez o segundo gol do Palmeiras e dele na partida, um golaço. Hernanes empatou no finalzinho do primeiro tempo.Na etapa final, Keno voltou a deixar o marcador a favor ao Alviverde, e Hyoran nos acréscimos decretou vitória do Palmeiras

 

3 - Com direito a golaço de Moisés: Grêmio 1 x 3 Palmeiras

Foi uma das partidas mais regulares do Palmeiras, apesar de jogar contra os reservas do Grêmio, o Verdão não deixou o adversário jogar, e logo aos três minutos, Dudu abriu o placar. Aos 17, o Capitão do Palmeiras ampliou.  Na segunda etapa, Moisés acertou uma bomba na gaveta fazendo o terceiro do Alviverde. O Grêmio descontou com Michel.

 

2 - Gol de cobertura:  Palmeiras 3 x 0 São Paulo

No primeiro Choque-Rei da temporada, o Verdão foi absoluto,  em um primeiro tempo muito truncado, não tivemos grandes oportunidades. Mas no minuto 45, Dudu viu Denis adiantado e finalizou do meio de campo para encobrir o goleiro. Uma pintura.

Na segunda etapa, Tchê Tchê mandou um foguete da entrada da área e ampliou.Alejandro Guerra fechou a conta marcando o terceiro gol aos 25 do segundo tempo

 

1- Virada, Dois de Willian, cenas lamentáveis e tapa na cara de Uruguaio: Peñarol 2 x 3 Palmeiras 

Foi uma partida que teve de tudo,virada de placar, cenas lamentáveis entre jogadores, torcedores brigando, emboscada, e desabafo de treinador.

A bola rolou e o Palmeiras fez um primeiro tempo apático, o Peñarol abriu 2 a 0 com Affonso e Arias. Na segunda etapa o Palmeiras acordou, Willian diminuiu logo no terceiro minuto, Yerri Mina empatou a partida aos 17. O atacante Willian estava inspirado, marcou o gol da virada do Palmeiras aos 27 do segundo tempo garantindo a vitória.

Ao final da partida os jogadores do Peñarol armaram uma emboscada e foram para cima de Felipe Melo, o volante com toda sua sabedoria, cumpriu sua palavra e deu um belo " tapa na cara do uruguaio", claro com responsabilidade.