Morte de jogador da base da Portuguesa pode ter sido acidental, diz polícia

Corpo de jovem foi encontrado sem vida na piscina do Canidé na manhã desta quinta-feira

Morte de jogador da base da Portuguesa pode ter sido acidental, diz polícia
Foto: Reprodução/Facebook

Nesta quinta-feira (20), um jogador da categoria de base da Portuguesa foi encontrado morto dentro de uma piscina no Canindé. Para a delegada Marli Mauricio Tavares, da 12º DP, do Pari, localizada na zona norte de São Paulo, a causa da morte de Lucas Jesus dos Santos, de 16 anos, pode ter sido acidental, já que não há indícios de homicídio.

"Vamos tentar entender a dinâmica. Eles tiveram um treino, subiram ao alojamento, foram para o churrasco e depois para a piscina", disse o chefe da investigação, Éder Pereira e Silva.

De acordo com o site Globoesporte.com, quando amigos de Lucas sentiram falta do jogador, uma diretora do clube foi até a área da piscina em busca de encontrar alguma pista do desaparecimento, mas não viu nada.

​Corpo de Bombeiros retirando o corpo de Lucas (Foto: Reprodução/GloboNews)
​Corpo de Bombeiros retirando o corpo de Lucas (Foto: Reprodução/GloboNews)

O jovem foi encontrado a três metros de profundidade no fundo da piscina. Não havia sinais de violência no corpo de Lucas. "Nenhuma marca ou cicatriz. Vamos esperar o laudo do IML (Instituto Médico Legal), que vai dizer a real causa da morte", ​contou Éder.

Entenda o caso

Os jogadores do time sub-17 da Lusa comemoravam a classificação da equipe para as quartas de final do Paulista na quarta-feira (19), sobre o Água Santa, e realizaram um churrasco na hora do almoço. Durante o momento de lazer, Lucas havia se queixado de dor na cabeça durante um banho de piscina. Amigos do atleta o retiraram do local, porém, não souberam informar como ele retornou à area aquática. A polícia encontrou várias latas de cerveja nas lixeiras próximo a piscina. De acordo com a namorada de Lucas, que chegou junto aos familiares do jogador às 14h, afirmou que ele não sabia nadar.

Em nota, a Portuguesa lamentou a morte precoce do garoto. "A  Associação Portuguesa de Desportos vem a público lamentar a morte do atleta Lucas Jesus dos Santos, que defendia atualmente a equipe sub 17. O Clube está empenhado neste momento em colaborar com as autoridades policiais para a investigação e elucidação dos fatos e também prestará todo o apoio necessário aos seus familiares".

O clube será responsabilizado por não disponibilizar salva-vidas no local.