Com vaga em aberto, Santa Cruz recebe Vasco em jogo decisivo pela Copa do Brasil

Depois de empate no primeiro jogo, equipes definem futuro na competição; equipes tem desfalques no setor ofensivo

Com vaga em aberto, Santa Cruz recebe Vasco em jogo decisivo pela Copa do Brasil
Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Santa Cruz
Vasco da Gama
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vitor, Wellington, Danny Morais e Tiago Costa; Derley, Marcílio, Leandrinho e Lelê; Marion e Bruno Moraes. Técnico: Milton Mendes
Vasco da Gama: Martín Silva; Madson (Yago Pikachu), Rodrigo, Jomar e Júlio César; Marcelo Mattos, Diguinho (Henrique), Andrezinho e Evander (Éder Luís); Jorge Henrique e Leandrão. Técnico: Jorginho
ÁRBITRO: Igor Junio Benevenuto (MG)
INCIDENCIAS: Partida de volta válida pela terceira fase da Copa do Brasil de 2016, a ser realizada no Estádio do Arruda, em Recife, Pernambuco

O Santa Cruz recebe a equipe do Vasco da Gama nesta quarta-feira (20), às 21h45, no Arruda. Ficando dividido entre a permanência na Copa do Brasil e a eliminação para disputar a Copa Sul-Americana - primeira competição internacional a jogar, o Mais Querido vive essa indefinição cercado de muito mistério. A única certeza é a baixa do centroavante Grafite, uma vez que será poupado, pois não enfrenta o Coritiba no próximo fim de semana no Brasileiro, devido à suspensão pelo terceiro amarelo.

No lado do Cruzmaltino, o clima também não é feliz. Nenê, o craque da equipe, está fora do jogo. Segundo o departamento médico do time carioca, o meia-atacante sofreu contusão muscular grau um na coxa direita e vai seguir em tratamento, visando o compromisso diante do Bragantino, no próximo sábado (23), pela Série B.

Com o resultado de empate na primeira partida, realizada na semana passada em São Januário, os pernambucanos estariam virtualmente classificados, já que uma igualdade sem gols os favorecem, por terem marcado fora de seus domínios. Caso o placar se repita, a decisão vai aos pênaltis. Qualquer empate a partir de 2 a 2, entretanto, garante a vaga aos cariocas. Uma vitória classifica um dos dois.

A arbitragem será comandada pelo mineiro Igor Junio Benevenuto, aspirante à Fifa. Seus auxiliares serão o conterrâneo Marcus Vinícius Gomes, do escalão da CBF, tal qual o potiguar Flávio Gomes Barroca, integrante do quadro estadual.

Milton Mendes faz segredo e não garante time misto

O técnico Milton Mendes ainda não definiu oficialmente a equipe que vai entrar para encarar o Vasco da Gama nesta quarta-feira (20), no Arruda. Os rumores são que a equipe será escalada com um misto de titulares e reservas, porém tudo não passa de palpites, já que no jogo de ida, na semana passada, o treinador escalou um time com poucos jogadores do principal.

Três ausências, pelo menos, estão garantidas na base que entrará em campo. Além de Allan Vieira, único jogador a seguir em recuperação após lesão na coxa direita, o volante Wellington Cézar e Grafite não enfrentarão o Gigante da Colina. O cabeça de área está com tendinite, já o centroavante vai ser poupado por conta da sequência grande de partidas a qual vem sendo submetido. Artilheiro na temporada com 16 gols, tem o nome de Bruno Moraes como mais cotado para ser seu substituto.

A comissão técnica tricolor decidiu fechar a maior parte da atividade que fechou os preparativos. No pouco que foi visto, os atletas apenas se aqueceram, contudo chamaram a atenção a não-presença de Tiago Cardoso, Léo Moura, Danny Moraes, Tiago Costa e Uillian Corrêa, que ficaram na academia realizando atividades musculares.

Vasco encerra preparação no CT do Náutico para 'decisão'

O Vasco começou a semana em um ritmo conturbado. Após o empate diante do Luverdense no sábado (16) e do retorno desgastante ao Rio de Janeiro, no treinamento desta segunda (18), em São Januário, uma baixa importante. Trata-se do meia Nenê, aniversariante dessa terça-feira e que sentiu um desconforto na coxa direita e, posteriormente, foi diagnosticado como uma lesão leve e de grau um, mas que será o suficiente para tirá-lo do confronto diante do Santa, no Arruda.

Outra baixa, esta já certa, é do zagueiro Luan. Convocado por Rogério Micale para a disputa da Olimpíada, o defensor vascaíno já desfalca o Cruzmaltino desde a segunda-feira (18). Desta forma, Jorginho terá a difícil tarefa de substituir duas das principais peças do elenco para a partida decisiva, pois a equipe precisa marcar e não sofrer gols.

Os mais cotados para assumir as vagas são Jomar, na zaga, e Evander, no meio de campo, caso a escolha seja por uma alteração simples. Se a alteração for mais profunda, o técnico alteraria também o modo de jogar, deixando Andrezinho isolado na armação, enquanto que Jorge Jorge Henrique e Caio Monteiro ou Éder Luís ficariam pelas laterais. Porém, como no Vasco o clima de mistério também fica em aberto, a dúvida será sanada apenas minutos antes da bola rolar.