Jorginho destaca paciência após vitória: "Era um jogo de xadrez e não poderíamos nos desesperar"

Comandante aprova atuação no triunfo diante do Santa Cruz, que garantiu o Vasco nas oitavas de final da Copa do Brasil

Jorginho destaca paciência após vitória: "Era um jogo de xadrez e não poderíamos nos desesperar"
Treinador exalta elenco e minimiza ausência de Nenê, principal jogador da equipe na temporada (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br)

A vitória do Vasco nesta quarta-feira (20), contra o Santa Cruz, foi de fundamental importância. O time não somente conquistou uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil 2016, como conseguiu ter bom rendimento sem duas das suas principais peças: o zagueiro Luan, que foi convocado para disputar a Olimpíada Rio 2016, e o atacante Nenê, artilheiro da temporada com 17 gols, vetado com dores musculares.

+Milton Mendes não se abate com eliminação: "Temos que tranquilizar os jogadores"

Com atuação segura do início ao fim, visando aproveitar os erros da Cobra Coral, o grupo Cruzmaltino foi bastante elogiado por Jorginho. O comandante exaltou a calma que o elenco teve durante todos os 90 minutos, ponto destacado para o resultado positivo pudesse vir a ser alcançado.

"Falei para eles que era como um jogo de xadrez, não poderíamos nos desesperar. Tivemos a paciência necessária, até que fizemos o primeiro gol. Por causa disso, conseguimos fazer um excelente segundo tempo. Jogadores que entraram - nas vagas de Luan e Nenê - conseguiram dar conta do recado, pois me mostraram confiança e que a equipe tem bom nível", afirmou o treinador vascaíno, declarando que há possibilidade de mexer no estilo de atuar devido à chegada dos novos contratados, o meia Júnior Dutra e o centroavante Éderson.

"Nossa equipe não é extremamente veloz, pelo menos até agora. Com a chegada dos dois jogadores, porém, a equipe vai mudar um pouquinho a característica. Ambos são velozes e, sem eles, nós vamos precisar ter maior controle do jogo, pois a paciência é necessária para quem espera o momento para matar o jogo. Estou ganhando a possibilidade de uma mudança no time e, além de já ter o Éder Luís e o Caio Monteiro, agora ganhamos mais dois", completou.

Apesar do êxito e do pouco tempo que terá de preparação para o jogo diante do Bragantino, nesse sábado (23), pela Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico alvinegro garante ir com força máxima. Jorginho assegura que o trabalho de recuperação na reapresentação será todo no Caprres, centro de referência no país.

"Vamos jogar contra o Bragantino com força máxima. Amanhã, todos os jogadores não fazem praticamente nada, pois vão focar no trabalho de recuperação do Caprres, até mesmo aqueles que não jogaram diante do Santa Cruz. Temos que ter cuidado, deixando-os descansados para o jogo do sábado", encerrou.

O duelo com o Massa Bruta será válido pela 17ª rodada da Segundona e em pleno São Januário, o que pode deixar os cariocas mais isolados na liderança, sendo realizado às 16h. Os paulistas, todavia, ocupam a 17ª colocação, abrindo a zona de rebaixamento e somando 17 pontos, tendo a chance de surpreender e se afastar da degola. Os embates da quarta fase da copa nacional, contudo, não tem adversário definido, uma vez que a CBF vai sortear os confrontos, porém serão nos dias 24 de agosto e 21 de setembro.