Santa Cruz e América-MG medem forças em confronto de desesperados no Brasileirão

Praticamente rebaixados e ocupando as duas últimas posições, times entram em campo tentando evitar queda antecipada à Segundona

Santa Cruz e América-MG medem forças em confronto de desesperados no Brasileirão
Foto: Antônio Melcop/Santa Cruz
Santa Cruz
América-MG
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vitor, Danny Morais, Wellington e Roberto; Jádson, Derley e João Paulo; Léo Moura, Grafite e Keno. Técnico: Adriano Teixeira
América-MG: João Ricardo; Christian (Jonas), Éder Lima, Messias e Danilo Barcelos; Leandro Guerreiro, Juninho, Ernandes, Tony e Matheusinho; Michael. Técnico: Enderson Moreira
ÁRBITRO: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016, disputada no Arruda, em Recife, Pernambuco

Pela dignidade. É dessa maneira que Santa Cruz América-MG irão a campo na tarde deste domingo (6) no Arruda, em Recife, em partida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Ainda que a queda à Série B não esteja matematicamente confirmada, os times jogarão tentando evitar o descenso de maneira antecipada, tentando mostrar sobrevivência.

Sem vencer desde a 25ª rodada, quando bateu o Atlético-PR, a Cobra Coral busca se reabilitar também diante da torcida. No último jogo, o Mais Querido foi até Porto Alegre visitar o desesperado Internacional e saiu com um empate em 1 a 1, que ainda assim o deixou na última colocação, somando 24 pontos.

Mais Querido levou a melhor no jogo do primeiro turno (Foto: Mourão Panda/América-MG)
Mais Querido levou a melhor no jogo do primeiro turno (Foto: Mourão Panda/América-MG)

Já o Coelho vive melhor momento no segundo turno, somando 14 dos 27 pontos totais do campeonato, que o fez largar a lanterna. Contra o São Paulo, na última segunda-feira (31), o Alviverde foi mais eficiente nas finalizações e levou a melhor ante o Tricolor por 1 a 0, levando-o à 19ª posição.

Santa Cruz com baixas e já definido antecipadamente

O momento é ruim. Todos sabem desde o início da oscilação da Cobra Coral no Campeonato Brasileiro, mas ter a dignidade em campo é um ponto fundamental para todos os times, independente da fase vivida. Com apenas uma vitória conquistada desde a 25ª rodada, ao vencer o Atlético-PR, o Santa tenta adiar ao máximo o rebaixamento.

Com quatro ausências - três por contusão e uma por caxumba - para o jogo, o Mais Querido tenta renascer ante o Coelho. Os laterais Tiago Costa e Allan Vieira, lesionados, se unem ao volante Wellington Cézar como desfalques desde a última partida. Já o zagueiro Néris, que teve o quadro clínico diagnosticado na última quarta-feira (2), deve ficar como baixa por 15 dias.

Zagueiro Danny Morais foi um dos acometidos por caxumba, mas se recuperou a tempo (Foto: Antônio Melcop/Santa Cruz)
Zagueiro Danny Morais foi um dos acometidos por caxumba, mas se recuperou a tempo (Foto: Antônio Melcop/Santa Cruz)

Apesar de toda situação conturbada, o descenso já está praticamente consolidado e tratado como realidade no clube. Ainda assim, Adriano Teixeira pede para os atletas se dedicarem ao máximo, reconhecendo que a diretoria vem se esforçando ao máximo, dando confiança entre torcida e elenco para buscar resultados positivos.

"A diretoria corre atrás dos recursos e os jogadores se doam dentro de campo. Isso dá confiança para um futuro próximo, já que temos cinco jogos importantes e espero que a torcida nos apoie. O momento é ruim, pois nós estávamos com os resultados negativos e quando os jogadores buscam o resultado, ele aparece", declarou o comandante coral.

Com uma dúvida, Coelho fecha preparação indefinido

A vitória até pode deixar o América vivo na briga contra o descenso, ainda que a situação seja praticamente irreversível. Afim de encerrar a participação na elite de maneira menos melancólica, o Coelho tenta se apoiar nos bons resultados conquistados nas últimas rodadas com a força da torcida, pois não venceu como visitante no Brasileiro.

Com um intervalo curto de tempo para se preparar para a partida, os jogadores se mostram motivados para tentar acabar o certame com o máximo de dignidade. Para o confronto, o time mineiro não está com a base titularidade definida, uma vez que o lateral-direito Jonas volta de lesão, por dores no joelho, com Christiano podendo entrar na vaga ante a Cobra Coral.

Americanos encerraram preparação em solo pernambucano (Foto: Divulgação/América-MG)
Americanos encerraram preparação em solo pernambucano (Foto: Divulgação/América-MG)

Garantindo titularidade há cinco rodadas, o zagueiro Messias mostra otimismo para permanecer entre os 11. Como a equipe não sofreu gol nos dois últimos triunfos, sobre Atlético-PR e São Paulo, o defensor vê a oportunidade de jogar com regularidade e agradece ao comandante pelas chances cedidas.

"Fico muito feliz pelas oportunidades dadas, pois já venho trabalhando forte durante muito tempo para que eu pudesse fazer o meu melhor. Já estou jogando, fazendo bem minha parte e graças a Deus pudemos sair com a vitória nos últimos jogos e demonstrando segurança não apenas ao treinador, mas também para ser sempre opção de segurança para a defesa", afirmou.