Adriano Teixeira celebra vitória do Santa Cruz sobre Juventude: "Bastante feliz pelo resultado"

Interino no Mais Querido destaca empenho do grupo na última rodada da Série B, ao sair vitorioso, e deixa próprio futuro em aberto

Adriano Teixeira celebra vitória do Santa Cruz sobre Juventude: "Bastante feliz pelo resultado"
Treinador analisa ainda problemas extracampo, que culminaram no descenso à Série C (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)

Apesar de já rebaixado, o Santa Cruz não entrou em campo abatido e fechou a Série B do Campeonato Brasileiro 2017 de maneira digna. A equipe tricolor encarou o Juventude na noite desta terça-feira (21), em seus domínios, e levou a melhor ao golear por 5 a 2, mesmo com um público relativamente pequeno no Arruda em jogo pela 38ª rodada.

Além dos pouco mais de 1.500 torcedores presentes, quem também se mostrou satisfeito com o resultado foi Adriano Teixeira. Interino após a demissão de Marcelo Martelotte, celebrou bastante a ampla vitória do Mais Querido, ainda que o descenso já tivesse sido concretizado há duas rodadas.

"Bastante feliz pelo resultado, mas triste pelo descenso. O Santa Cruz é grande, é forte e comparece nesses momentos mais decepcionantes. Os poucos torcedores que estiveram aqui estavam relaxados. Também estou feliz por Vitor, que é um guerreiro e voltou a atuar após mais de seis meses fora", declarou, citando que está com o futuro imprevisível, já que depende das eleições presidenciais do clube.

Mais Querido é avassalador do início ao fim e goleia Juventude no Arruda (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)
Mais Querido é avassalador do início ao fim e atropela Juventude no Arruda (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)

"Sou funcionário do clube, mas não sei do meu futuro. Vamos ter uma eleição pela frente e a gente não sabe o que vai acontecer, pois tudo é possível. A gente vive um ano eleitoral e não pode afirmar nada agora. Temos que esperar até o fim, porém vamos ter tranquilidade e esperar as definições", completou.

Os problemas extracampo, entretanto, foram determinantes na queda e interferiram no desempenho tricolor no decorrer dessa Segundona. Ciente da obrigação de mudanças para a próxima temporada, Adriano aponta motivação dos dirigentes em corrigir os erros cometidos neste ano.

"Nós, da comissão técnica, estamos com o mesmo empenho de fazer o melhor para o Santa Cruz. Quem mais sente são os que estão aqui, os funcionários, mas tenho certeza que vamos voltar mais fortes em 2018 e não pode errar mais. O Santa precisa se fortalecer e se reerguer com estrutura, pois é um clube muito grande para passar pelas situações e, por isso, não pode haver erros dentro de uma Série C", concluiu.