Rodrygo vibra com seu primeiro gol como profissional: "Estou sonhando acordado"

O atacante de 17 anos entrou no segundo tempo e fez o seu primeiro gol pelo Peixe para virar o placar.

Rodrygo vibra com seu primeiro gol como profissional: "Estou sonhando acordado"
Foto: Ivan Storti/ Santos FC

Rodrygo, grande nome da base santista, finalmente brilhou pelo time profissional. Ele entrou no segundo tempo para fazer um gol nos minutos finais e dar a vitória para o Santos sobre a Ponte Preta, de virada, por 2 a 1. A partida disputada no Moisés Lucarelli, nesta quinta-feira (25), foi válida pela terceira rodada do Campeonato Paulista. 

O Santos perdia o jogo contra a Ponte Preta até os 28 minutos do segundo tempo, quando Eduardo Sasha empatou a partida e marcou pela primeira vez vestindo a camisa do Peixe. Porém, o gol da virada, veio após Jair Ventura substuir Sasha por uma promessa Alvinegra, um menino de 17 anos, Rodrygo. O héroi santista desse jogo, teve apenas uma chance de finalizar na partida, e não desperdiçou. Nos acréscimos, o garoto recebeu passe de Vecchio, driblou o zagueiro Renan Fonseca dentro da área e chutou rasteiro no canto do goleiro Ivan, mandando a bola para o fundo das redes. 

Aos poucos, Rodrygo vai conquistando o seu espaço no Santos, após se destacar com 24 gols marcados em 22 jogos no Paulistão Sub-17 do ano passado. Se em 2017 o jovem recebeu chance do então técnico Elano nos minutos finais de duas partidas do Campeonato Brasileiro, nesta temporada já atuou durante o duelo de segunda-feira contra o Bragantino e agora definiu o triunfo sobre a Ponte Preta. A partida foi apenas a quarta de Rodrygo entre os profissionais do Santos. Até por isso, ele afirmou, logo após o jogo em Campinas, que mal podia acreditar no seu feito

"Eu sabia que teria uma chance e sabia que tinha que guardar e guardei. Estou sonhando acordado. A ficha ainda não caiu. Vai cair quando chegar em casa, ver o vídeo", afirmou Rodrygo ao Premiere.

Rodrygo e Sasha pressionam Copete, Arthur Gomes e Rodrigão por uma vaga no time titular para a partida contra o Ituano, domingo, às 19h30 (de Brasília), no Pacaembu. Bruno Henrique, contusão na retina do olho direito, e Gabigol, que ainda precisa recuperar a forma física e técnica, não estarão à disposição do técnico Jair Ventura.