Visando "decisão" pela Libertadores, Calleri retorna aos treinos no São Paulo

Atacante argentino não atua desde a estreia no Brasileirão. Já Michel Bastos, deve se juntar aos treinamentos na próxima semana

Visando "decisão" pela Libertadores, Calleri retorna aos treinos no São Paulo
Jogador deverá ser relacionado para a partida do próximo sábado (11) (Foto: Érico Leonan/ São Paulo FC)

Falta menos de um mês para a partida mais importante dos últimos anos para o São Paulo. Após seis anos, o Tricolor irá entrar em campo no próximo dia 6 de julho para disputar a primeira partida das semi-finais da Copa Libertadores da América. O confronto de ida será realizado no Estádio do Morumbi, diante da melhor equipe da competição até agora, o Atlético Nacional-COL.

Contudo, antes da decisão, restam ainda sete confrontos importantes pelo Campeonato Brasileiro, e alguns jogadores devem voltar de lesão justamente nessas partidas para pegarem novamente o ritmo da equipe. Dentre eles está Jonathan Calleri. O argentino voltou aos treinos nesta segunda (7) após se recuperar de um desconforto muscular e ir a Europa resolver alguns problemas particulares. 

Calleri não obteve nenhuma limitação ao trabalhar no campo reduzido junto aos atletas que não entraram em campo na vitória são-paulina diante do Cruzeiro no último domingo (5). Além do argentino, Wilder Guisao e o lateral Caramelo também se recuperaram de lesões musculares e treinaram normalmente. Ambos os atletas devem estar a disposição de Edgardo Bauza já para a próxima partida diante do Atético-PR no Morumbi, no próximo sábado (11).

Se alguns atletas retornam, outros seguem como baixas. Michel Bastos por exemplo, não entra em campo desde a classificação na Libertadores diante do Atlético-MG em Belo Horizonte. O meia se recupera de uma lesão na coxa direita e segue o protocolo para estar a disposição de Bauza o mais rápido possível.

"Estou seguindo o protocolo da recuperação. O Campeonato Brasileiro também é importante para nós. Quero entrar em campo e jogar logo. Estou seguindo tudo o que estão pedindo e a recuperação vai muito bem. Já iniciei os exercícios físicos no gramado e, em uma semana, quero treinar com o elenco, com bola. Temos de reforçar muito bem a musculatura para que não aconteça nenhum problema daqui para a frente", afirmou ao programa "Bem Amigos" do SporTV nessa última segunda-feira.

Por último, o lateral chileno Mena surgiu como o mais novo problema do departamento médico do Tricolor. Também nesta segunda, o atleta sentiu uma lesão na coxa e teve que ser substituído na derrota do Chile para a Argentina na Copa América Centenário. Nesta terça-feira, a Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP) confirmou a lesão em um comunicado oficial. Mena deve passar por exames mais detalhados nesta quarta-feira (8) antes de retornam a São Paulo para o início do tratamento.