Após empate, Bauza afirma: "Não estivemos muito afinados na hora de definir

Técnico procurou ressaltar melhora no segundo tempo e falou que não se preocupa com os pontos perdidos em casa

Após empate Bauza afirma: "Não estivemos muito afinados na hora de definir

Nessa quinta (23) o São Paulo recebeu no Morumbi pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016, o Sport. E num jogo de ataque contra defesa, acabou levando a melhor o time que se propôs a conquistar algum ponto fora de casa, nesse caso o conjunto pernambucano que segurou o placar em 0 a 0.

Com o resultado o São Paulo vai aos 15 pontos e está em sétimo lugar na competição, perdendo a chance de entrar no G-4 da competição, já o Sport chega a nove pontos e está em 18º lugar dentro da zona de rebaixamento.

Na próxima rodada o Tricolor Paulista encara no domingo (26) no Pacaembu, o Santos no clássico local da rodada. Já o Leão recebe a Chapecoense no mesmo dia só que às 18h30.

Após a partida o técnico Edgardo Bauza refletiu sobre as principais questões do jogo, como a lesão de Kelvin, os tropeços em casa e sobre a decisão de poupar atletas.

"Vamos esperar os exames", disse o treinador são-paulino.

"Vamos tratar de recuperar todos os jogadores e se percebermos algum problema, vamos pensar em parar. Mas vamos ver como podemos armar a equipe para jogo de domingo. Não posso adiantar isso agora. Preciso esperar 24, 48 horas para ver como atletas se recuperam para depois tomar a decisão", afirmou o treinador.

Preocupa, mas não podemos contar com ele sempre. Para isso temos Ytalo e Kardec."

"Não. Me preocupa muito mais é o nível que alguns atletas. No último mês, tivemos oito jogadores machucados. Isso é o que mais me preocupa", lamentou o técnico.

"Todos os anos se mudam as condições do campeonato. Temos perdidos muitos pontos como mandantes, mas temos ganho alguns como visitante. mas se a equipe está completa, somos complicados para os adversários", disse Bauza.

"Calleri é o goleador do time, obviamente todos gostaríamos que ele tivesse jogado, mas estava suspenso. Mas temos Ytalo, de quem tiraram um pênalti muito claro, depois o Kardec."

"Temos de esperar para ver quais atletas podem jogar. Estou focado em recuperar os machucados para depois escolher os melhores para essa partida. Amanhã vamos começar a analisar, ver o resultado do exame de Kelvin. Daqui a pouquinho vamos ter Hudson, Mena. Acho que semana que vem estarão trabalhando conosco."

"Já não posso fazer mais nada com relação a isso. Todas as cartas foram jogadas e se não puder jogar, trataremos de trazer outro jogador para o próximo semestre, pois para a Libertadores não vai dar", ressaltou o treinador.

Ele ainda teceu comentários sobre a dispensa de Getterson e a utilização de Cueva.

"Sobre Getterson, eu não consigo dar uma explicação lógica. Há cinco anos colocou algo.. era muito mais jovem. Mas, bem, a diretoria tomou uma decisão, junto com ele. Tudo por causa das famosas redes sociais. Não pudemos fazer nada a respeito."

"Já trabalhou hoje fisicamente para ir se acomodando. No fim de semana não poderá jogar porque não está inscrito. Calculamos que para a partida seguinte, sim."

"Entrou bastante bem, são parecidos. Kelvin tem mais experiencia, mas Araújo é habil, rápido e pode ser uma possibilidade caso Kelvin não possa jogar. Estamos trabalhando com ele há bastante tempo. Nas partidas em que entrou foi bem. Que siga crescendo."