Depois de novela, Buffarini enfim chega ao São Paulo e se coloca à disposição de Bauza

Versátil atleta elogiou a estrutura do clube e se disse por se reencontrar com o antigo comandante

Depois de novela, Buffarini enfim chega ao São Paulo e se coloca à disposição de Bauza
Foto: Érico Leonan / São Paulo FC

Nessa quarta-feira (27), o lateral Julio Buffarini enfim desembarcou no Brasil e chegou ao São Paulo. No CT da Barra Funda, onde conheceu as estruturas do clube e deverá realizar exames médicos nesta quinta, o jogador deu suas primeiras palavras como jogador do Tricolor. O argentino assinará contrato por três temporadas com a equipe paulista, depois de uma longa novela envolvendo sua contratação junto ao San Lorenzo.

Acompanhado de seu empresário, Darío Bombini, o lateral prontamente se colocou à disposição do técnico Edgardo Bauza nas três partes do lado direito do campo: lateral, volante e ponta direita.  "Joguei os últimos três anos como lateral-direito, mas em toda a minha carreira atuei como volante. Então, em qualquer função pelo lado direito do campo, eu posso mostrar o meu futebol em diferentes posições. Também já joguei como ponta direita e me sinto à vontade para atuar na frente. Estou à disposição do treinador e preparado para tentar ajudar os meus novos companheiros", afirmou o jogador de 28 anos.

A aquisição do jogador foi um pedido do técnico argentino desde que chegou ao Morumbi no ínicio do ano. Vale lembrar que eles foram campeões juntos da Copa Libertadores em 2014 pelo clube de Almagro, e que a negociaão se envolveu por 1,8 milhões de dólares (aproximadamente 5,8 milhões de reais). "É uma alegria grande poder reencontrar o Patón, porque vivi momentos marcantes com ele. Conquistamos títulos e pudemos conhecer o Papa Francisco, que foi um momento especial na minha vida. Quero retribuir a confiança dele, e trabalhar firme para dar alegria ao torcedor são-paulino. Oxalá possamos repetir o sucesso que tivemos na Argentina. A confiança do Bauza me motiva bastante. Estou preparado para honrar as cores do clube e brigar por títulos", disse.

A negociação entre São Paulo e San Lorenzo se arrastou até as últimas horas do último dia de fechamento da janela, e, portanto, a confirmação da transação precisou passar pela Fifa. Ela foi confirmada apenas na última terça, quase uma semana depois, tranquilizando os torcedores tricolores e o próprio jogador. "Estou muito contente com a possibilidade de jogar no São Paulo, porque é um clube grande e com uma história vitoriosa. É uma alegria grande, e espero corresponder positivamente neste novo desafio na minha carreira. O São Paulo é um clube importante, com tradição, e estou com muita gana de fazer parte desta equipe tão vencedora", disse o novo reforço são-paulino, que deve estar disponível para estrear na partida contra o Atlético-MG, na próxima quinta-feira.