Santos vence São Paulo pelo Campeonato Brasileiro

Santos vence São Paulo pelo Campeonato Brasileiro
São Paulo
0 1
Santos
São Paulo: Denis; Buffarini, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Wesley, Robson e Carlinhos; Chavez.
Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Braz e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Jean Mota, Copete e Ricardo Oliveira.
Placar: 0-1, min. 45, Copete.

Agradecemos todos que acompanharam conosco esse grande clássico, um forte abraço.

Santos vence o São Paulo no Pacaembu por 1 a 0 com gol de Copete, segue em quarto lugar e complica no rival na tabela.

49 min: Fim de jogo!

47 min: Robson recebe cartão amarelo

45 min: Teremos quatro minutos de acréscimos

43 min: Luiz Felipe recebe cartão amarelo

42 min: UUUUUUH! Jean Carlos bate, Vanderlei da rebote e Robson chuta para fora

40 min: No Santos sai Renato e entra Fabián Noguera

32 min: No Santos sai Lucas Lima e entra Yuri

30 min: São Paulo se manda para o ataque em busca da igualdade

28 min: No São Paulo sai Hudson para entrada de Jean Carlos

23 min: Kelvin cruza na cabeça de Chavez que manda para fora

23 min: Cueva cobra falta próxima da área, a bola bate na barreira e sai pela linha de fundo

16 min: Copete comete falta por trás em Kelvin e recebe cartão amarelo

14 min: São Paulo vai em busca do gol de empate com Kelvin

10 min: No São Paulo sai Wesley e entra Cueva

7 min: No Santos entra Daniel Guedes e sai Victor Ferraz

5 min: Santos pressiona nesse segundo tempo

0 min: GOOOOOOOOOOL DO SANTOS! Lucas Lima serve Copete na entrada da área que bate no canto direito de Denis para abrir o placar no Pacaembu

0 min: Começa o segundo tempo!

47 min: Fim do primeiro tempo!

45 min: UUUUH! Kelvin cobra escanteio na área, Chavez desvia e Vanderlei tira com a ponta dos dedos

45 min: Teremos dois minutos de acréscimos

44 min: São Paulo pressiona nesse fim de primeiro tempo

40 min: UUUUH! Buffarini solta a bomba de fora e Vanderlei faz grande defesa

39 min: Thiago Mendes erra e cede contra-ataque ao Santos

32 min: Ricardo Oliveira recebe passe de Lucas Lima e chuta de fora, a bola sai por cima do gol de Denis

30 min: No São Paulo sai Carlinhos e entra Kelvin

30 min: São Paulo tenta mas não consegue ameaçar o gol de Vanderlei

25 min: Carlinhos sente dores e Cueva e Kelvin vão para o aquecimento

20 min: Copete rouba a bola de Buffarini e chuta, mas a bola sai fraco mascada

17 min: Wesley rouba a bola e toca para Robson que arrisca de fora e manda a direita do gol de Vanderlei

12 min: Bom contra-ataque do Santos, Ricardo Oliveira sai pela direita e cruza, Copete de peixinho manda para fora

5 min: São Paulo começa pressionando a saída de bola santista

0 min: Começa o jogo!

O São Paulo está escalado com: Denis; Buffarini, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Wesley, Robson e Carlinhos; Chavez.

O Santos vem a campo com: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Braz e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Jean Mota, Copete e Ricardo Oliveira.

Vamos as escalações das equipes!

"Não tem favorito hoje, apesar da fase do São Paulo", disse o meia santista.

Lucas Lima comentou sobre o jogo na entrada do estádio, e disse que será um duelo sem favoritos hoje no Pacaembu.

Pessoal começa a chegar no estádio para o clássico de daqui a pouco. O movimento fora é muito grande no momento.

Na noite desta quinta-feira (13), São Paulo e Santos se enfrentam no Pacaembu (após acordo entre ambas diretorias no início do campeonato) com objetivos distintos. Jogando às 21h, as equipes terão quase suas forças máximas, após o término da rodada das Eliminatórias da Copa de 2018, onde muito de seus jogadores estiveram envolvidos.

No Tricolor, a boa notícia fica pelas voltas de Mena e Cueva, que serviam justamente suas seleções. Mesmo assim, ambos não têm a certeza da titularidade.  Já o Santos conta com a volta do seu principal jogador, Lucas Lima, que servia a Seleção Brasileira, onde foi reserva.  Vitor Bueno continua machucado, e é desfalque do time alvinegro.

No histórico do confronto, vantagem pro São Paulo. Em 265 jogos entre as equipes, o time do Morumbi venceu 112 vezes, contra 86 do Santos, além de 82 empates. No Brasileirão, o duelo é mais equilibrado. São 26 vitórias do Tricolor contra 22 do Peixe, e mais 10 empates. Em compensação, o São Paulo não vence o adversário há mais de um ano, quando venceu por 3 a 2, na quinta rodada do Brasileirão 2015. De lá para cá são 5 jogos, com 4 vitórias do Alvinegro e um empate. No primeiro turno, em jogo também no Pacaembu, vitória do Peixe por 3 a 0.

No São Paulo, mesmo com a situação complicada, onde a equipe é a 14ª colocada (podendo até descer uma posição, dependendo da partida entre Ponte Preta e Vitória), o pensamento é de confiança total na vitória diante do rival.

“A gente trabalhou bem a semana para que pudéssemos estar bem preparados para o clássico. Vamos enfrentar uma equipe bastante qualificada, que está na ponta da tabela. A gente não está em um momento bom para cobrar o apoio da torcida, mas espero que aquele que ama o clube possa comparecer. Espero que amanhã possamos dar uma resposta positiva. Vamos em busca dos três pontos para tentar ficar em uma situação mais confortável na tabela de classificação”, ressaltou Maicon.

No adversário “confiança” é a palavra da vez, e nos lados da Vila Belmiro também. Mesmo jogando fora de casa, com torcida única, e contra um dos seus principais rivais, os jogadores declaram estar tranquilos para jogar. Na 4ª posição, a equipe santista diz estar preparada para alçar voos ainda mais altos na competição.

“Eu gosto do Pacaembu. Não ligo para torcida adversária. Quando tem torcida do Santos eu até olho e tal, mas quando é só torcida adversária dá até vontade de jogar mais, porque eles ficam xingando e eu fico mais irritado”, disse Zeca.

O lateral-esquerdo ainda completou dizendo: Tática e tecnicamente o Santos está muito acima de muito time do Campeonato Brasileiro. Nós já tínhamos um futebol rápido, agora evoluímos demais. Treinamos muito essa parte tática, finalizou o jovem jogador.