Gilberto comemora redenção pelo São Paulo e Denis lamenta lesão de Renan

Atacante celebrou gol decisivo; goleiro comentou sobre a fratura do companheiro de equipe

Gilberto comemora redenção pelo São Paulo e Denis lamenta lesão de Renan
(Foto: Rubens Chiri/São Paulo)

O São Paulo conquistou uma difícil e importante vitória diante do Atlético-MG no Independência na tarde deste domingo (27) na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Com gol de Gilberto aos 45 minutos do segundo tempo, o tricolor paulista voltou para casa com os três pontos e jogará o encerramento em seu estádio.

O atacante Gilberto conseguiu sua redenção na tarde deste domingo e desabafou após a partida: "Estou me apresentando ao São Paulo agora. Sou um goleador e a minha obrigação é marcar gols.  Espero que tenha sido o primeiro gol de muitos. Estou muito feliz porque eu não estava conseguindo fazer o gol, mas graças a Deus consegui".

O jogador, que tem contrato até 2017, conviveu com muitas lesões no ano, mas conseguiu se recuperar para o importante jogo contra o Atlético. "Acho que agora que consegui melhorar o meu físico. Meu retrospecto nas outras equipes que passei era muito bom e aqui as coisas não estavam dando certo. Com muito trabalho, o gol saiu. Mas vou manter o empenho até o final da temporada, porque ainda temos mais uma partida pela frente. Quero evoluir ainda mais para ajudar os meus companheiros", completou.

Entretanto, a tarde não foi apenas de boas notícias para o São Paulo. O goleiro Renan Ribeiro sofreu uma luxação no dedo médio da mão esquerda ainda no primeiro tempo e pode até passar por cirurgia para corrigir o problema. O médico José Sanchez tentou colocar o dedo no lugar enquanto Renan, que saiu irritado de campo, berrava de dor. Ele voltou mais cedo para a capital paulista para fazer mais exames.

O goleiro titular Denis, que estava no banco e deve, com a lesão de Renan, ficar como titular no time do interino Pintado fez uma boa partida e assegurou a vitória paulista. "Foi uma infelicidade do Renan, pois machucou mesmo o dedo e foi difícil ficar em campo. Eu lamento a fratura que ele teve porque somos companheiros e ninguém gosta de ver um companheiro seu machucado. Mas pude entrar e ajudar a equipe. Conseguimos segurar o resultado, a pressão no segundo tempo do Atlético e o mais importante são os três pontos", afirmou Denis.