Diante do Vasco, São Paulo tenta primeira vitória sob comando de Dorival Júnior

Tricolor não vence há nove rodadas e permanece em situação crítica na zona de rebaixamento; sem Luís Fabiano e Nenê, Cruzmaltino visa subir na tabela e ampliar má fase do oponente

Diante do Vasco, São Paulo tenta primeira vitória sob comando de Dorival Júnior
O último duelo entre as equipes aconteceu no ano retrasado, e terminou em 2 a 2 (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)
São Paulo
Vasco da Gama
São Paulo: Renan Ribeiro, Bruno, Arboleda, Rodrigo Caio, Júnior Tavares; Petros, Jucilei, Marcinho, Cueva, Lucas Fernandes; Pratto.
Vasco da Gama: Martín Silva; Madson, Rafael Marques, Paulão, Ramon; Jean, Bruno Paulista, Yago Pikachu, Wagner, Escudero; Thalles.
ÁRBITRO: Wagner Reway.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Realizada no Estádio do Morumbi, em São Paulo.

Vivendo momentos plenamente opostos, São Paulo e Vasco da Gama se enfrentam no Estádio do Morumbi nesta quarta-feira (19), às 21h45, em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Mesmo passando por mudanças no comando técnico e na formação da equipe dentro de campo, a maré de resultados ruins parece não querer deixar os lados do Morumbi tão cedo. No último final de semana, o Tricolor chegou à sua nona partida sem vitórias, ao ser derrotado pela Chapecoense na Arena Condá. O placar negativo deixou o São Paulo pela terceira rodada consecutiva dentro da zona de rebaixamento. Para não permanecer pela quarta semana consecutiva, os comandados de Dorival Júnior precisam além de vencer os cariocas, torcer por tropeços de Ponte Preta e Avaí.

Reforço para a zaga, Aderlan deve estrear contra o Grêmio, na próxima segunda-feira (24)

Mesmo com a perda do meio-campista Douglas, que transferiu-se para o Manchester City, e obtendo diversos desfalques de suma importância, o Vasco segue realizando uma campanha regular neste Brasileirão. A equipe de São Januário perdeu apenas uma partida em suas últimas cinco aparições. 

+Thalles enaltece atuação do Vasco da Gama apesar do empate sem gols: ''Valeu pela luta''

Por mais uma vez o centroavante Luis Fabiano ficará de fora da equipe, e não irá reencontrar o Estádio do Morumbi. Breno, outro ex-são-paulino, é outra ausência, já que cumpre suspensão. O meio-campista Nenê é outro que desfalca a equipe. O jogador pediu novamente para não ser relacionado, e deve deixar a equipe carioca nas próximas semanas. Em seu lugar, entra o argentino Escudero

'Confiante', Arboleda festeja bom início no São Paulo

A atuação do zagueiro Robert Arboleda está entre os poucos pontos positivos da equipe são-paulina nas últimas rodadas. O equatoriano que estreou com gol na derrota para o Santos também foi relativamente bem no empate com o Atlético-GO, e na derrota para a Chapecoense, no último domingo.

"Eu me sinto em casa aqui. Os colegas são maravilhosos em todos os sentidos possíveis, são importantes em minha adaptação. O grupo cresce cada vez mais. O São Paulo não merece estar onde está porque faz as coisas da melhor maneira e os gols não saem. Precisamos ter consciência de que podemos melhorar. O São Paulo é um grande, tem de fazer coisas grandes", declarou o jogador em sua coletiva de imprensa, na manhã desta terça-feira no CT da Barra Funda.

+Dorival fala em dedicação e acredita na recuperação do São Paulo

'Bombardeado' com questionamentos sobre a posição do São Paulo na tabela, Arboleda foi seguro ao assegurar que o clube permanecerá na elite: "Entristece muito viver este momento. Não queremos o rebaixamento e estou seguro que isso não irá acontecer. Estamos cientes de que o São Paulo não merece estar onde está hoje. Nas próximas partidas, vamos fazer tudo da melhor maneira possível para mudar o sabor amargo de agora e conseguir nossos altos objetivos", ressaltou.

Sem se enganar com o momento do adversário, Martín Silva espera dificuldades no Morumbi

Destaque do Vasco há algumas temporadas, o goleiro Martín Silva vive a expectativa de sua renovação com o Cruz-Maltino, e falou sobre este tópico na última coletiva que antecede o duelo contra o Tricolor: "Ainda não acertei nada com o clube. É uma coisa que está se especulando. Tomara que tenha um final feliz para as duas partes desta história. Mas é claro que eu quero renovar meu vínculo com o clube. A extensão do contrato seria um reconhecimento muito bom para mim. Eu estaria muito agradecido", disse o arqueiro.

No Vasco desde 2014, Martín já disputou mais de 170 partidas pelo clube

Lamentando também a ausência de São Januário, Martín afirmou que o objetivo do clube permanece intacto, mesmo sem a possibilidade de atuar em casa. Sobre o momento ruim do adversário desta quarta, o uruguaio demonstrou estar focado e com os 'pés no chão': "Na fase que ele estão, o time pode ter uma certa insegurança que é algo normal, mas com certeza irão dar tudo de si para reverter essa situação. Sabemos que eles têm o objetivo de sair da zona de rebaixamento, mas temos que estar focados desde o início. Também temos o objetivo de conquistar a vitória. E enfrentar o São Paulo sempre vai ser difícil", concluiu.


Share on Facebook