Embalado pelos últimos resultados, São Paulo recebe Coritiba na luta contra o Z-4

Fora da zona de rebaixamento, Tricolor quer manter boa fase diante do Coxa, que só fica atrás no saldo de gols

Embalado pelos últimos resultados, São Paulo recebe Coritiba na luta contra o Z-4
Último duelo entre as equipes terminou sem gols no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)
São Paulo
Coritiba
São Paulo: Renan Ribeiro; Bruno, Arboleda, Rodrigo Caio, Edimar; Jucilei, Petros; Marcinho, Hernanes, Cueva; Lucas Pratto.
Coritiba: Wilson; Léo, Márcio, Thalisson Kelven, Carleto; Jonas, M. Galdezani, Tomas, Tiago Real; Rildo e Alecsandro.
Placar:
ÁRBITRO: Pericles Bassols Cortez.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017. Realizada no Estádio do Morumbi, em São Paulo.

Próximos na tabela, mas passando por momentos distintos na competição, São Paulo e Coritiba se enfrentam na noite desta quinta-feira (3) no Estádio do Morumbi. A partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro define quem irá para a última rodada do turno dentro do Z-4.

Há partidas que podem servir como um verdadeiro "divisor de águas" dentro de um longo torneio como é o Brasileirão, e é exatamente nisso que o São Paulo aposta todas as suas fichas para o seu segundo semestre. No último sábado (29), o Tricolor arrancou uma vitória histórica diante do Botafogo no Engenhão por 4 a 3, após ficar atrás no placar por dois gols de diferença. Além de marcar a ótima reestreia de Hernanes pelo clube, o resultado conquistado foi o terceiro dos comandados de Dorival Júnior sem perder, algo raro nesta temporada.

Mais de 50 mil ingressos foram vendidos antecipadamente para a partida

Sem poder contar com o lesionado Wellington Nem para o resto do ano, o São Paulo volta a entrar em campo com a mesma escalação da rodada passada, com Marcinho, Cueva e Lucas Pratto no setor ofensivo. Na lateral esquerda, Edimar permanece intacto.

+Após grande virada, Dorival afirma: "A confiança começa a voltar"

Após um grande início de competição, alcançando sempre as primeiras colocações da tabela, o Coritiba segue se complicando no Brasileirão. Obtendo apenas uma vitórias nas últimas 12 rodadas, logo na estreia de Marcelo Oliveira, o Coxa visitou no último final de semana pela primeira vez a zona de rebaixamento, ao ser derrotado em casa pelo Atlético-MG

Para o duelo no Morumbi, o Coritiba não poderá contar com William Matheus, punido por duas partidas pelo STJD. Em contrapartida, um nome importante deve aparecer no banco de reservas: o meio-campista alemão Baumjohann pode realizar sua primeira partida pelo clube em São Paulo.

Diante do Coxa, Jucilei vê grande chance de se afastar da zona de rebaixamento

Um dos reforços do clube para esta temporada, o volante Jucilei caiu logo nos braços da torcida são-paulina. Exaltado até nos resultados mais ruins conquistados pelo clube, o jogador garantiu cedo seu espaço na equipe e segue como um dos principais líderes da equipe, dentro e fora de campo.

"Queremos ganhar para tirar de vez o São Paulo dessa zona perigosa. A torcida tem comparecido em grande número, nos apoiado. Isso é muito importante, é a força que precisamos. Acredito que a equipe vem evoluindo. Temos que manter o espírito de luta que foi mostrado contra o Botafogo", disse o jogador na coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira (2).

+Após inúmeras reviravoltas, São Paulo acerta venda de Centurión ao Genoa

Prevendo um adversário 'fechado' em seu setor defensivo, Jucilei projetou o duelo contra o próximo adversário: "Respeitamos muito o Coritiba, mas amanhã precisamos conquistar a vitória. Eles também estão numa situação difícil. Fazendo um bom jogo, tenho certeza de que sairemos com o resultado positivo. É difícil enfrentar adversário que está na zona de rebaixamento. Eles jogarão fechadinhos e buscarão o contra-ataque. É ter atenção defensivamente e, quando tiver a chance na frente, matar o jogo", concluiu.

Em sua estreia como titular, Thalisson Kelven festeja oportunidade

Com apenas 19 anos de idade, Thalisson Kelven fará sua primeira partida como titular no profissional nesta quinta-feira no Estádio do Morumbi. Nesta quarta, o jovem zagueiro foi o escolhido para falar com os jornalistas em Curitiba, a surpreendeu ao demonstrar personalidade e plenitude ao comentar sobre a fatídica partida em São Paulo.

"Eu não vejo como uma pedreira, vejo como uma grande oportunidade. Muitos jogadores queriam estar no meu lugar, recebendo esta chance. Principalmente na fase em que a gente se encontra, estar entrando e atuando bem, estar ganhando ou empatando lá fora de casa vai dar um estímulo maior para o grupo", disse o defensor.

A última vitória do Coritiba diante do São Paulo no Morumbi aconteceu em 2013

"A expectativa é muito alta, né? Sou muito novo ainda, mas creio que, no jogo contra o Fluminense, entrei em um momento difícil e pude mostrar que tive total tranquilidade para estar ali jogando. Agora, na minha estreia como titular, espero fazer um bom jogo e voltar toda essa confiança para a torcida e para a comissão", finalizou Thalisson.