'Salvador' e artilheiro, Hernanes comemora bom momento pessoal e crescimento do São Paulo

Maior marcador do Tricolor no Campeonato Brasileiro, Profeta fala sobre a retomada do clube nesta reta final da competição

'Salvador' e artilheiro, Hernanes comemora bom momento pessoal e crescimento do São Paulo
(Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC)

Muitos contavam que a postura do São Paulo dentro de campo mudaria com a chegada de Hernanes no meio do ano. Que os resultados apareceriam com o tempo e que o desempenho também subisse de patamar, era algo a se esperar. Mas que o Profeta se tornaria artilheiro da equipe? Isso vem sendo curioso...

O meio-campista nunca teve o gol como sua principal característica, mas em pouco tempo, alcançou sua melhor marca neste quesito em sua carreira. Em coletiva de imprensa cedida nesta terça-feira (7) no CT da Barra Funda, Hernanes comentou sobre sua fase 'matadora': “Decidi passar por todas as posições e times para poder me encontrar. É muito legal isso, quando toma uma postura, uma decisão, e as coisas acontecem no mesmo caminho. Na China, após me encontrar e tomar uma postura de que naquele momento em diante entraria em campo pra realizar o que mais sei fazer, que é: finalizar. Minha maior habilidade é o chute. Ou seja: tomei essa decisão. Queria pôr isso em prática”, disse o meia.

Com aproveitamento superior à 60%, São Paulo é o líder do returno no Brasileirão

+Libertadores? Dorival deixa de lado a empolgação e reforça foco em fugir do Z-4

Líder dentro e fora de campo, Hernanes também comentou sobre ter conquistado a faixa de capitão do Tricolor: “É engraçado, porque quando aconteceu o episódio do Pratto me conceder a faixa de capitão eu não esperava. Sempre fui um cara na minha, tímido. Não falava muito, porque tinha minha maneira particular de pensar diferia um pouco da maior parte da galera. Sempre fui muito quieto. Assumir esse posto de capitão... fiquei meio curioso para saber como ia levar”, concluiu.

Cada vez mais próximo da zona de rebaixamento, o São Paulo volta a campo nesta quinta-feira (9). Precisando ainda definir de vez sua permanência na elite, o Tricolor recebe a ameaçada Chapecoense, no Estádio do Pacaembu, que deve novamente receber um grande público.