Dorival faz pedido para diretoria: "Está na hora de o São Paulo voltar a ser protagonista"

A equipe Paulista venceu o Coxa por 2 a 1, de virada e agora enfrenta o Bahia pela última rodada do campeonato, buscando a Sul Americana

Dorival faz pedido para diretoria: "Está na hora de o São Paulo voltar a ser protagonista"
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

O gramado do Couto Pereira, recebeu na tarde deste domingo São Paulo e Coritiba pela 37º rodada do Campeonato Brasileiro. O placar terminou em 2 a 1 para os visitantes, que de virada somaram mais três pontos na tabela, e alcançaram a 12º colocação.

A partida foi complicada para o lado da arbitragem. Anderson Daronco que apitou a partida, marcou um pênalti na disputa de bola entre Edimar e Tiago Real. O lance foi muito discutido, pois muitos contestaram a marcação de Daronco. Na cobrança, o goleiro Wilson marcou o gol. Coritiba na frente.

O técnico Dorival Júnior não viu o pênalti e reclamou ao final da partida “O empurrão foi do Tiago e bola bateu na mão dele. O próprio time do Coritiba não foi enfático nas cobranças” disse. O comandante também, revelou em entrevista coletiva, que usou do erro da arbitragem para conseguir a força necessária e virar a partida.

“Além das correções, que foram poucas, o principal ponto da conversa foi o seguinte: ‘Vamos levar o erro da arbitragem como uma muleta ou vamos mostrar força?’. A equipe teve paciência, criou boas oportunidades e alcançamos uma recuperação merecida em relação ao que foi apresentado. Acho que foi uma grande recuperação e mesmo com os garotos entrando, sentimos que esses meninos colaboraram para uma evolução. Isso é muito importante" comentou Dorival.

Sem Prato e Hernanes, que foram cortados por lesão, e Petros que cumpriu suspensão automática, a equipe venceu com gols de Militão e Galdezani (contra). Dorival, comentou sobre o que ele julgou ser uma excelente partida. "Estávamos com vários jogadores fora e, de repente, fazemos um jogo desse nível. A gente sente que o São Paulo ganha consistência, maneira de jogar. Independentemente dos nomes que entrem, isso sim é um passo para a evolução. É disso que precisamos para o ano seguinte" e completou exaltando a torcida.

“Os torcedores sempre participaram, foram muito ativos e contribuíram demais na recuperação da equipe. Fico feliz de poder ter contribuído nesse processo de recuperação”. salientou.

Dorival também lembrou das dificuldades que Ceni teve, com entradas e saídas de jogadores e apontou onde a equipe tem ue trabalhar mais para mudar o que foi visto em 2017. "Temos que mudar o perfil que a equipe mostrou ao longo desse ano. O Rogério deve ter tido muitas dificuldades por conta das entradas e das saídas. O São Paulo precisa saber os erros dessa temporada para não cometê-los na próxima. Está na hora de o São Paulo voltar a ser protagonista nas competições. O torcedor merece isso”, e completou finalizando: “O São Paulo precisa de mais jogadores para fortalecer o grupo. Jogadores do nível de Petros e Hernanes e, claro, darmos a possibilidade para esses garotos” disse se referindo aos garotos da base. Ao que tudo indica, Dorival dará mais oportunidades aos jovens jogadores.

Na última rodada do campeonato, o Tricolor enfrentará o Bahia, no Morumbi e luta pela vaga na Copa Sul – Americana 2018. Na melhor das hipóteses, o São Paulo ainda pode conseguir a classificação para a Libertadores 2018, caso o Grêmio conquiste a Libertadores 2017 e o Flamengo leve a Sul Americana, a equipe terá chances.