Dunga deixa Olimpíada para depois e afirma estar focado na Copa América Centenário

Treinador deu sua primeira entrevista coletiva nos Estados Unidos nesta terça-feira e afirmou que o foco agora é na Copa América

Dunga deixa Olimpíada para depois e afirma estar focado na Copa América Centenário
(Foto: Rafael Ribeiro / CBF)

Já nos Estados Unidos e recebendo aos poucos o elenco que disputará a Copa América Centenário, o treinador Dunga concedeu entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (24) e falou sobre a preparação, o foco na competição e deixa claro que só resolverá as questões dos Jogos Olímpicos Rio 2016 depois.

Em sua primeira entrevista coletiva nos Estados Unidos, Dunga começou já deixando claro que agora o que importa é a Copa América, deixando os problemas envolvendo a Olimpíada para depois do fim da competição: “Estamos focados na Copa América e cada um tem que aproveitar suas oportunidades. Não temos atletas olímpicos, temos jogadores de Seleção Brasileira na Copa América. Todos fazem parte da seleção da Copa América”.

O treinador, que chamou sete jogadores com idade olímpica para a competição nos Estados Unidos, afirmou que ninguém além de Neymar está confirmado nos Jogos mesmo estando com o grupo neste momento. "Ninguém pode achar que está garantido nas Olimpíadas. Cada um deve buscar seu próprio espaço. Tirando o Neymar, o resto só decidiremos depois”, comentou.

Iniciando os trabalhos nesta segunda-feira, o treinador rebateu as críticas por fazer treinamentos sem grandes mudanças no sistema jogado: “Ficamos 130 dias sem nos reunir e aí tivemos dois dias. Em duas, três horas de treino, é muito difícil mudar”. Dunga também recebeu uma notícia ruim ao saber que Daniel Alves talvez fique de fora da Copa América por conta de uma lesão. Com isso, ele afirmou que a condição física dos jogadores será prioridade para definir quem joga no próximo amistoso. "É o primeiro dia de treinamento, estamos focados em ver as condições físicas em que cada um se apresenta. Vamos fazer um trabalho individualizado para verificar como cada um vai poder contribuir", disse ele.

Antes do início da Copa América Centenário, o Brasil ainda disputará amistoso contra o Panamá, no próximo sábado, às 23 horas (de Brasília), em Denver. A estreia na competição será dia 5 de junho contra o Haiti, em Pasadena.