Brasil passeia, faz 7 a 1 no Haiti e precisa de apenas um empate para se classificar na Copa América

A Seleção fez o esperado e venceu a partida pelo placar que ficou tão marcado em sua história

Brasil passeia, faz 7 a 1 no Haiti e precisa de apenas um empate para se classificar na Copa América
(Foto: Getty Images)
Brasil
7 1
Haiti

Na noite desta quarta-feira (8), a Seleção Brasileira voltou a entrar em campo pela Copa América Centenário. Após empatar com o Equador por 0 a 0, o Brasil confirmou as expectativas e goleou o Haiti por 7 a 1 no Citrus Bowl, em Orlando, Estados Unidos. Coutinho duas vezes, Renato Augusto também duas vezes, Gabigol e Lucas Lima foram os autores dos gols brasileiros. Marcelin diminuiu para os adversários. 

O jogo foi marcado por um belo show da torcida haitiana nas arquibancadas. Em alguns momentos, o barulho feito por eles era bem mais alto do que o dos brasileiros. A má notícia para a Canarinho ficou por conta da suspensão do volante Casemiro, que levou seu segundo cartão amarelo e não poderá enfrentar o Peru na próxima rodada.  

Brasil domina e Coutinho marca duas vezes  

O primeiro tempo começou com muitas chances do Brasil, mas demorou até que os chutes fossem realmente efetivos. Com 1 minuto, Coutinho sofreu falta na entrada da área, Willian bateu, mas mandou pra fora. Aos 5, o jogador do Liverpool arriscou de fora da área, mas o goleiro Placide não teve problemas para defender. 

O Brasil trocava muitos passes, vários errados, mas não conseguia ter qualidade nas finalizações. A grande dificuldade era furar a barreira haitiana e entrar na área para oferecer perigo. Porém, aos 13 minutos, o primeiro gol brasileiro na Copa América finalmente saiu. Coutinho recebeu na esquerda, driblou dois marcadores e chutou forte de fora da área no canto do gol. 

Depois de encontrar o caminho das redes, as chances passaram a ser um pouco melhores. Aos 20, Willian bateu escanteio e Gil subiu, mas mandou por cima do gol. O Haiti, em uma de suas poucas chegadas ao gol, chegou perto de conseguir bagunçar a defesa na área brasileira, mas sem sucesso. 

Aos 28 minutos, mais um gol de Coutinho. Após cruzamento de Dani Alves, a defesa do Haiti furou, a bola sobrou para Jonas que, caído, deu passe para Coutinho só ajeitar. 2 a 0 e mais tranquilidade para a Seleção. Não demorou até a terceira bola chegar ao fundo da rede do goleiro do Haiti. Aos 34 minutos, o goleiro haitiano, Placide, saiu errado, Daniel Alves cruzou na cabeça de Renato Augusto, que subiu alto e ampliou para o Brasil. 3 a 0 e fim da primeira etapa. 

Brasil continua o passeio e jogadores do Santos fazem gols; Haiti diminui 

A segunda etapa começou com uma alteração do técnico Dunga. Gabriel, do Santos, entrou no lugar de Jonas. Logo aos 2 minutos, Coutinho deu belíssimo passe para Willian, o meia do Chelsea chutou cruzado e a bola passou muito perto do gol. A Seleção passou os primeiros minutos com muita dificuldade para entrar na área haitiana devido a quantidade enorme de passes errados. 

Aos 11 minutos, o Haiti fez bela troca de passes na entrada da área brasileira, mas não conseguiu concluir. Dois minutos depois, Gabigol deixou o dele. Elias tocou e o jogador do Santos chutou cruzado para marcar seu primeiro gol na competição. 4 a 0 para o Brasil.  

No Haiti, Max Hilarie saiu para a entrada de Jean Marc Alexandre. Casemiro deixou o jogo aos 15 minutos para a entrada de Lucas Lima que, aos 22, mandou mais uma bola para o fundo das redes. Dani Alves fez bonito cruzamento e o santista mandou de cabeça para o fundo do gol. Logo depois, os haitianos conseguiram diminuir. Marcelin pegou rebote de Alisson e fez o de honra. 

Walace, que chegou para o lugar de Luis Gustavo, entrou no lugar de Elias aos 26. O Brasil tentou muito chegar ao sexto gol, mas parou por várias vezes no goleiro haitiano. Aos 40, Renato Augusto levou a bola e chutou de fora da área para faz 6 a 1 para o Brasil. Coutinho, aos 42, finalizou a goleada e fechou em 7 a 1 para a Seleção Brasileira.