E se a seleção brasileira fosse dividida por signos?

Céticos ou não, a VAVEL Brasil preparou este especial para responder uma pergunta que sempre rodeou os debates de nossa redação: e se a seleção brasileira fosse dividida por signos?

E se a seleção brasileira fosse dividida por signos?
(Foto: Marcello Neves/Editoria de Arte VAVEL)

O Brasil é o país da astrologia? Por completo ainda não, mas é inegável que o número de adeptos deste movimento vem crescendo consideravalmente nos últimos anos. Céticos ou não, a VAVEL Brasil preparou este especial para responder uma pergunta que sempre rodeou os debates de nossa redação: e se a seleção brasileira fosse dividida por signos?

"Qual delas seria a mais forte? Em qual os craques do passado e do presente se encontrariam? A maior quantidade de campeões mundiais ficaria aonde?" Com a ideia em mente, colocamos a mão na massa e tratamos de pesquisar sobre centenas de jogadores que vestiram a camisa da amarelinha desde 1930, data da primeira Copa do Mundo.

Após semanas comparando datas e buscando históricos, enfim chegamos a um resultado final. Foi difícil completar todas as posições dos 12 times, mas nada é impossível para a Redação VAVEL Brasil. Curiosamente, durante o processo de criação, surgiram algumas peculiaridades que destacamos para você:

      ♦ Aquário é tão forte que deixou craques como Robinho no banco.

      ♦ Lúcio e David Luiz dividem o mesmo signo: Touro.

      ♦ Sagitário é o signo com menos atletas convocados à Seleção Brasileira.

      ♦ Escorpião é o signo com maior número de campeões mundiais: 7 no total.

As seleções estão separadas entre os 12 signos do zodíaco com quatro posições: goleiros, defensores, meias e atacantes. Não há divisão por laterais, volantes e pontas por questão de logística. Por regra, estão apenas jogadores que vestiram a camisa da seleção brasileira - no mínimo - em uma partida oficial.

Ria, divirta-se, mostre para seus amigos e compartilhe! 

Confira os times baseado nos signos do zodíaco:

Capricórnio (22/12 - 21/01): Félix; Fontana, Amaral, Mauro Silva e Paulo Henrique; Paulo César Carpegiani, Valdo, Gérson e Rivellino; Vavá e Jairzinho.

Aquário (22/01 - 19/02): Rogério Ceni; Edevaldo, Anderson Polga, Juan e Marco Antônio; Sócrates, Tostão, Juninho Pernambucano e Neymar; Adriano e Romário.

Peixes (20/02 - 20/03): Carlos Gallo; Djalma Santos, Marinho Peres, Júnior Baiano e Rildo; Vampeta, Wilson Piazza, Juninho Paulista e Zico; Pepe e Dadá Maravilha.

Áries (21/03 - 20/04): Barbosa; Gilberto, César Sampaio, Ely do Amparo e Roberto Carlos; Emerson, César Sampaio, Ramires e Ronaldinho; Rivaldo, Roberto Dinamite.

Touro: (21/04 - 20/05): Taffarel; Daniel Alves, Lúcio, David Luiz e Nilton Santos; Toninho Cerezo, Fernandinho, Raí e Kaká; Diego Tardelli e César Maluco.

Gêmeos (21/05 - 20/06): Paulo Victor; Cafu, Bellini, Cris e Marinho Chagas; Edinho, Elano, Ricardinho e Phillipe Coutinho; Éder e Paulo Cézar Caju.

Câncer (21/06 - 20/07): Leão; Carlos Alberto Torres, Edmílson, Jair Marinho, Júnior; Josué, Zé Roberto, Pinga e Hércules; Nilmar e Rafael Sóbis.

Leão (21/07 - 22/08): Marcos; Jorginho, Luís Pereira, Brito e Filipe Luís; Luiz Gustavo, Zito e Michel Bastos; Paulo Isidoro; Amarildo e Zagallo.

Virgem (23/08 - 22/09): Julio César; Orlando Peçanha, Ricardo Rocha, Thiago Silva, e Leonardo; Silas, Denílson e Oscar; Leônidas da Silva, Renato Gaúcho e Ronaldo.

Libra (23/09 - 22/10): Dida; Augusto Silva, Abel Braga, Dante e Luizinho; Gilberto Silva, Falcão, Didi e Paulo Henrique Ganso; Careca e Fred.

Escorpião (23/10 - 21/11): Doni; Fabinho, Jurandir de Freitas, Domingos da Guia e Zé Carlos; Dunga, Zequinha e Garrincha; Ademir Menezes, Luizão e Pelé.

Sagitário (22/11 - 21/12): Castilho; Alemão, Mauro Galvão, Aldair e Luiz Alberto; Magrão, Fábio Rochemback, Mengálvio e Djalminha; Keirrison e Bobô.