Rumo à Olimpíada: Thiago Maia, volante do Santos

Primeiro jogador de Roraima a atuar pela Seleção Brasileira, Thiago Maia é um dos cinco formados na base do Santos que disputarão as Olimpíadas

Rumo à Olimpíada: Thiago Maia, volante do Santos
Rumo à Olimpíada: Thiago Maia, volante do Santos

O Brasil inicia mais uma caminhada em busca do tão sonhado Ouro Olímpico. Desta vez, o torneio de futebol das Olimpíadas será em casa. Durante o mês de agosto, os holofotes do mundo se voltarão para o Rio de Janeiro. Após uma frustrante medalha de prata em Londres, a Seleção Brasileira é favorita nesta edição. O elenco está recheado de jovens jogadores, mas todos com certa experiência por seus clubes.

Thiago Maia é um dos cinco jogadores revelados pelo Santos na lista para os Jogos Rio 2016. Ele é o caçula desse grupo. Além de Thiago Maia, Gabriel, Zeca, Felipe Anderson e Neymar também passaram pelas categorias de base do alvinegro praiano. O volante de 19 anos, natural de Boa Vista, Roraima, iniciou sua carreira profissional no final de 2014, e consolidou-se no time santista na temporada passada.

Convocado por Rogério Micale, vestir a amarelinha não é novidade para o volante, ele já disputou amistosos e alguns campeonatos oficiais pelas seleções de base, mas certamente esse será o maior desafio de sua carreira pelo Brasil até então. Nosso país conquistou quase tudo no futebol, menos a medalha de ouro em Jogos Olímpicos. Cabe a Thiago Maia e os outros 17 jogadores cumprir essa missão e encerrar o longo tabu, exterminando os fantasmas do perigoso Kanu, de Messi e até Peralta.

Thiago Maia, Gabriel e Zeca (Foto: Divulgação/Santos)

Trajetória na carreira

Por incentivo do pai, Thiago sempre conviveu com o futebol, praticando o esporte desde cedo. Seu primeiro clube foi o Extremo Norte. Em agosto de 2010, quando tinha apenas 13 anos, ele se mudou para São Paulo, em busca de realizar o seu sonho e o de sua família. A mudança foi acompanhada pela mãe. Seu pai, ao lado do tio, mandava dinheiro frequentemente.

Mas as condições financeiras não eram grandes, o adolescente e sua mãe foram morar em um motel. O jogador revelou em entrevista que ele não podia sair do quarto, já que seria constrangedor para ele, sua mãe e os outros clientes que frequentavam o local.

Enquanto isso, Thiago fez vários testes em São Paulo. Foi dispensado pelo Corinthians, jogou pelo Mauá e se firmou no São Caetano ainda em 2010. Um ano depois ele se transferiu para o Santos. Completou seu período nas categorias de base do Peixe. Ele foi campeão em 2014 do Torneio Internacional de Durban, campeonato Sub-19 na África do Sul. No mesmo ano, o meio-campista foi campeão do Campeonato Paulista de Futebol Sub-17, os santistas venceram o Palmeiras de Gabriel Jesus por 2 a 1 na final.

O ano de 2014 foi realmente especial para o jogador. Já estabelecido dentro do Santos, e convencendo com suas atuações nas categorias de base, o volante fez sua estreia pelo time principal em 25 de outubro, em um empate do Santos com a Chapecoense por 1 a 1. Thiago entrou na vaga de Serginho. Foi a única partida dele naquele ano pelo elenco de cima. A oportunidade foi dada por Enderson Moreira, treinador do time naquele ano.

O jogador só voltou a ser utilizado novamente em 2015. Com então 18 anos, Thiago passou a ser relacionado para as partidas com mais frequência. Seus cinco primeiros jogos foram saindo do banco. O primeiro jogo completo foi em junho, contra o Internacional, pela nona rodada. Aos poucos ele foi ganhando mais espaço. O primeiro gol pelo profissional aconteceu em 22 de agosto de 2015, contra o Avaí.

O segundo gol dele aconteceu contra o Palmeiras, pela 33ª rodada do Brasileirão. O alviverde apareceu novamente na carreira de Thiago, desta vez no final do ano. Thiago Maia jogou as duas finais, mas não participou das disputas por pênaltis do jogo da volta.

Mas o primeiro título dele pela equipe principal veio neste ano. O Santos venceu o Campeonato Paulista Série A1. Thiago Maia participou de toda a campanha que culminou no triunfo em cima do Osasco Audax. Ao todo, em sua curta carreira pelo Santos, o volante realizou 70 jogos e marcou dois gols.

Thiago Maia foi o primeiro jogador natural de Roraima a vestir a camisa da Seleção Brasileira. Ele foi convocado para o Sul-Americano de Futebol Sub-17 em 2013. A canarinho ficou em terceiro. O volante também disputou a Copa do Mundo Sub-17 da Fifa, no mesmo ano. Na ocasião, os brasileiros caíram nas quartas de finais, após empate em 1 a 1 no tempo normal e derrota por 11 a 10 nas penalidades. Thiago converteu sua batida. O roraimense também jogou o Sul-Americano Sub-20 de 2015, o Brasil ficou apenas em quarto.

Expectativa para a Olimpíada

Esta será a 12ª participação da Seleção Brasileira no torneio de futebol olímpico. O Brasil é um dos três países com mais medalhas na competição. Foram três medalhas de prata: Los Angeles 1984, Seul 1988 e Londres 2012. Além de duas medalhas de bronze em Atlanta 1996 e Pequim 2008.

Thiago Maia é um jogador com ótimo físico, que corre o campo inteiro durante toda a partida. É um excelente passador e chega bem ao ataque, típico homem surpresa. Ele também é muito bom no desarme e muito dedicado ao esquema implantado. O jogador do Santos disputará posição com Rodrigo Dourado e Wallace. Cabe a Rogério Micale determinar o titular da posição.

Logo após a divulgação da lista com 18 nomes para os Jogos, o meio-campista do Santos disse à imprensa: “Estou muito feliz pela chance de defender as cores do meu país nos Jogos Olímpicos. É a realização de um sonho. Agradeço a Deus pela oportunidade única, e também aos meus pais, familiares, santistas e ao povo de Roraima pelo apoio de sempre. Emoção que não tem como explicar, sonho de criança se realizando. Deus é tremendo demais.

Thiago comentou a atmosfera de jogar a competição no Brasil: “Eu acho que isso só aumenta a pressão. Acho que quem for jogar as Olimpíadas vai ter uma pressão que nunca teve na vida, ainda mais por ser no nosso país e a eliminação na Copa América. Vai ser obrigação ganhar a Olimpíada. Estou trabalhando muito forte e na minha cabeça sei que passaremos por pressão.

 

Nome: Thiago Maia Alencar

Idade: 19 anos

Nascimento: 23 de março de 1997

Altura: 1,78

Peso: 73kg

Posição: Volante

Naturalidade: Boa Vista (RR)

Pé: Canhoto

Contrato com o Santos: Até 2019