Buscando regularidade, Sport recebe o lanterna América-MG na Ilha do Retiro

Após três vitórias seguidas, Leão da Ilha busca subir na tabela diante do Coelho, que luta para sair da lanterna do Brasileirão

Buscando regularidade, Sport recebe o lanterna América-MG na Ilha do Retiro
Foto: Williams Aguiar/Sport Club Recife
Sport
América-MG
Sport: Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Rodney Wallace; Rithely, Serginho, Everton Felipe, Diego Souza e Rogério; Edmilson. Técnico: Oswaldo de Oliveira
América-MG: João Ricardo; Jonas, Alison, Sueliton e Gilson; Leandro Guerreiro, Juninho, Pablo, Matheusinho e Bruno Sávio; Michael. Técnico: Enderson Moreira
ÁRBITRO: Heber Roberto Lopes - SC (FIFA). Assistente: Kleber Lucio Gil - SC (FIFA) e Carlos Berkenbrock - SC
INCIDENCIAS: Partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Jogo será realizado no Estádio Ilha do Retiro, em Recife.

Em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Sport recebe o América-MG, nesta quarta-feira (3), às 19h30, na Ilha do Retiro, em Recife. O rubro-negro buscará aumentar a sequencia de vitórias, enquanto o Coelho tenta voltar a vencer no Brasileirão após oito rodadas.

Após um período negro no Brasileirão, onde o rubro-negro chegou a passar algumas rodadas na zona de rebaixamento, o Sport Recife colhe os frutos de três vitórias consecutivas, contra Grêmio, Cruzeiro e Atlético-PR. A equipe treinada por Oswaldo de Oliveira e com o meia Diego Souza vivendo grande fase com a camisa do Leão, pode aumentar esta sequencia e elevar sua atual condição no Campeonato Brasileiro. A equipe está em 12º lugar com 21 pontos.

O América-MG surpreendeu a muitos quando conseguiu sair do Independência com um empate diante do Grêmio, atual quatro colocado, e com uma atuação que agradou. Aproveitando este início de reação, o Coelho terá um compromisso muito difícil diante do Sport. Tudo o que os jogadores queriam era somar pontos para ter de volta a confiança no grupo e de que o time americano pode sair da situação em que se encontra. A equipe treinada por Enderson Moreira está em 20º lugar com apenas nove pontos.

Osvaldo de Oliveira pode repetir equipe diante do América-MG

Para o compromisso diante do América-MG, o técnico Oswaldo de Oliveira será adepto da tática do que time que está ganhando não se mexe. Mesmo com possibilidades de mudança da formação inicial, o treinador deverá manter a equipe. Curiosamente, a formatação que entrará em campo é a mesma que engatou a melhor sequência de vitórias do Sport até aqui. 

Sem problemas com lesões ou suspensões, o treinador rubro-negro realizou um treino tático com o mesmo time que entrou em campo diante do Atlético-PR, deixando entender que esta é a formação que entrará em campo diante do América. Diego Souza vive seu melhor momento como goleador, com 31 jogos na temporada por Fluminense e Sport, anotando 14 gols. Mesmo assim, o camisa 87 mantém os pés no chão.

"O momento é, realmente, de comemorar. Mas, na quarta-feira, a gente já tem um grande desafio. É um time que, apesar de estar como último colocado, tem grandes jogadores. Então, mais uma vez, a gente pede a presença do nosso torcedor porque a gente sabe que, quando eles estão com a gente, a gente é muito mais forte", declarou.

Para o banco de reservas, Oswaldo de Oliveira terá de volta Durval. O ídolo do Sport se recuperou de um desequilíbrio muscular, e mesmo participando do último treino do rubro-negro, deverá ficar entre os suplentes.

Enderson Moreira muda time para encarar Sport

O empate contra o Grêmio, no último domingo (31), deu ânimo para os jogadores americanos seguirem acreditando em um futuro melhor neste Campeonato Brasileiro. O elenco e o técnico Enderson Moreira exaltaram o resultado e a atuação do Coelho diante dos gremistas.

Tentando a primeira vitória após nove jogos, o técnico Enderson Moreira levou os jogadores para Recife, na última segunda-feira (1) com a delegação chegando à capital pernambucana no início da madrugada de ontem. No CT do Náutico, os jogadores deram ênfase a posse de bola e as bolas paradas. 

Sem Osman, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o técnico Enderson Moreira não definiu qual será o jogador que ocupará a posição. Bruno Sávio corre por fora e é o mais provável. Sávio não havia sido relacionado para a partida contra o Grêmio. 

Pablo, jogador que no último jogo atuou pelo meio-campo deixando a lateral-direita para Jonas, admitiu que a falta de entrega e determinação dos jogadores foi um dos fatores que mais contribuíram para o América estar na lanterna do Brasileirão.

"Entrega e aplicação são o mínimo que o torcedor esperava. Um time determinado, um time aplicado. E a gente tem certeza de que não estava acontecendo nos outros jogos. Agora, o por quê eu não sei. Campeonato Brasileiro é tão difícil, e se a gente entra em um jogo ou em outro sem essa motivação adequada, sem essa entrega adequada, o resultado taí, a situação nossa na tabela", explicou.