Mudança de postura no segundo tempo foi determinante para revés, segundo jogadores do Sport

Atletas lamentam mudança de postura e creditam derrota para o Corinthians à fraca apresentação nos 45 minutos finais

Mudança de postura no segundo tempo foi determinante para revés, segundo jogadores do Sport
Foto: Williams Aguiar//Sport

O Sport entrou em campo nesta quinta-feira (08) contra o Corinthians, na Arena Corinthians, e deu trabalho ao time da casa no primeiro tempo. Porém a equipe pernambucana caiu de rendimento depois do intervalo e viu o Timão controlar a partida e ganhar por um placar largo. Com gols de Rodriguinho, Léo Príncipe e Vilson, os comandados de Cristovão Borges garantiu uma vaga no G-4 e ocupa a quarta posição.

Com o resultado, o escrete da Praça da Bandeira ficou na 16ª colocação e passou a ver a zona de rebaixamento mais de perto. Para mudar essa situação, o time comandado por Oswaldo de Oliveira precisa vencer o Clássico das Multidões, na próxima rodada.

"Não é hora de falar muito. Fomos muito bem no primeiro tempo, mas no segundo caímos e perdemos. Temos que consertar isso", falou o meia Everton Felipe, um dos atletas que mais tem jogado pelo Leão.

O atacante Ruiz, que havia começado os outros jogos no banco de reservas, fez sua estréia como titular e participou bem do confronto. Em relação à postura da  equipe e a solução para a falta de resultados nos  últimos jogos, Ruiz foi direto.

"A gente teve mais posse de bola no primeiro tempo, mas não concretizamos em gol. Foi um grande primeiro tempo, mas no segundo não entramos com a mesma intensidade e atitude. Temos que melhorar isso e vamos trabalhar para mudar no próximo jogo", afirmou.

Pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Sport volta a campo neste domingo (11), às 16h, na Ilha do Retiro. O confronto é contra o Santa Cruz e promete ser decisivo para a recuperação de ambos os times, que se encontram longe de uma zona confortável na tabela da competição nacional. Somando 27 pontos, o clube pernambucano tem um ponto a mais do que o Vitória, que ocupa a 18ª colocação.