Daniel Paulista acha 'time ideal' e mantém base titular do Sport para jogo decisivo contra Corinthians

Comandante repete equipe pela quarta vez consecutiva e espera não ter baixas em confronto da última rodada do Brasileirão

Daniel Paulista acha 'time ideal' e mantém base titular do Sport para jogo decisivo contra Corinthians
Treinador rubro-negro ganha opções, mas decide repetir escalação diante do atual campeão (Foto: Williams Aguiar/Sport)

As vitórias sobre Bahia e Fluminense deram novo ânimo ao Sport na briga para evitar o rebaixamento, assim como fizeram Daniel Paulista não modificar nada, seguindo à risca o dito "em time que tá ganhando não se mexe". Sem problemas e contando com novidades para montar a equipe, o treinador opta por manter a base que vem atuando nesses últimos três jogos.

O zagueiro Ronaldo Alves - com dores no pé direito - e volante Wesley, que está sentindo incômodo no adutor da coxa esquerda, retornaram às atividades durante reapresentação nessa terça-feira (28). Ambos, no entanto, ficam como opção para o comandante no banco de reservas e seguem sendo substituídos por Durval e Anselmo, respectivamente.

Usar a equipe no 4-4-2 vem sendo a alternativa de Daniel para dar um novo panorama, dando certo apesar da goleada sofrida por 5 a 1 para o Palmeiras. Sander, que vem rendendo bem na lateral e fazendo boa cobertura de Mena, continua mantido na defesa ao lado de Raul Prata, Henríquez e Durval, assim como Magrão no gol.

Anselmo é mantido como titular mesmo com retorno de Wesley depois de lesão (Foto: Williams Aguiar/Sport)
Anselmo é mantido como titular mesmo com retorno de Wesley depois de lesão (Foto: Williams Aguiar/Sport)

No meio-campo, Anselmo e Patrick ficam na cabeça de área, fazendo a marcação rubro-negra. Marquinhos, que vem surpreendendo desde o retorno à titularidade, atua mais aberto pela ponta direita, já Mena faz a mesma função no lado esquerdo do campo, sendo fundamentais ao setor de armação.

Responsável por 67% dos gols marcados no Campeonato Brasileiro 2017, a dupla de ataque permanece sendo formada por Diego Souza e André. Juntos, foram às redes em 26 das 45 vezes que o Leão marcou, apresentando aproximadamente 58% dos tentos durante o Brasileirão todo.

Caso não tenha nenhuma ausência, o técnico leonino deve ir a campo no confronto diante do campeão Corinthians com: Magrão; Raul Prata, Henríquez, Durval e Sander; Anselmo, Patrick, Marquinhos e Mena; Diego Souza e André.