Sem convencer, Sport bate Santos-AP e garante classificação na Copa do Brasil

Marlone perde pênalti no primeiro tempo, mas Leão corrige erros para segundo e mantém jejum do Peixe da Amazônia no certame

Sem convencer, Sport bate Santos-AP e garante classificação na Copa do Brasil
Foto: Williams Aguiar/Sport
Santos-AP
1 2
Sport
Santos-AP: Axel; Diego, Rogério (Erik, min. 62), Dirley e Batata (Eduardo, min. 77); Lessandro e Cleucio; Jeferson e Thiago Marabá (Dhonata, min. 57); Jean Marabaixo e Bruno. Técnico: Edson Porto
Sport: Magrão; Fabrício, Henríquez, Léo Ortiz e Capa; Anselmo, Rithely (Neto Moura, min. 87) e Fellipe Bastos (Thallyson, min. 19); Gabriel (Thomás, min. 68), Leandro Pereira e Marlone. Técnico: Nelsinho Baptista
Placar: 0-1, min. 54, Leandro Pereira; 1-1, min. 84, Bruno; 1-2, min. 86, Leandro Pereira
ÁRBITRO: Joelson Nazareno Ferreira Cardoso (PA). Cartões amarelos: Jeferson (min. 23) e Anselmo (min. 30)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 1ª fase da Copa do Brasil 2018, disputada no Zerão, em Macapá, no Amapá

Com 2943km para separar Recife de Macapá, onde se localiza o Zerão, o Sport não teve somente o Santos-AP como adversário pela primeira fase da Copa do Brasil 2018 na noite desta quarta-feira (7). No dia em que completou 30 anos do título do Campeonato Brasileiro de 1987, os rubro-negros levaram a melhor, superando todas as adversidades, em vitória por 2 a 1, com gols de Leandro PereiraBruno descontou.

Depois da classificação assegurada, os leoninos vão enfrentar agora o vencedor de Ferroviário-CE e Confiança-SE, que ainda duelam. O duelo está marcado para ocorrer na Ilha do Retiro já na próxima quinta-feira (15), às 19h15 (de Brasília), na capital pernambucana. Os alvinegros, no entanto, buscam sobrevida na Copa Verde antes da estreia no Estadual ao receber o Atlético-AC, mas com data e horário a definir pela CBF.

Marlone perde pênalti em jogo truncado

O início da partida foi bastante truncado, uma vez que o gramado com condições ruins não permitiu muita movimentação ofensiva. Tentando superar as adversidades, o Sport apostou na troca de passes para criar boas oportunidades. Em uma dessas, porém, Fabrício aproveitou que estava sozinho fora da área e chutou forte, mas Alex defendeu firme.

Antes mesmo da metade do primeiro tempo, no entanto, Nelsinho foi obrigado a promover a primeira substituição em sua equipe, apesar da estrutura tática não mexer. Fellipe Bastos saiu reclamando de dores na coxa depois de uma falta e deu lugar a Thallyson. A melhor chance do Leão, contudo, veio em pênalti. Marlone cobrou muito mal e o goleiro fez boa defesa.

Times criam pouco na etapa inicial e ficam no empate sem gols ao intervalo (Foto: Williams Aguiar/Sport)
Equipes criam pouco na etapa inicial e ficam no empate sem gols ao intervalo (Foto: Williams Aguiar/Sport)

Mesmo após desperdiçar a penalidade, os rubro-negros prosseguiram intensos e buscando sair em vantagem. Apesar disso, não tiveram bom poder criativo, sem conseguir levar perigo à meta adversária. Já o Peixe da Amazônia, por sua vez, começou a gostar do confronto e se soltou à zona ofensiva.

Se durante a preparação o treinador apostou na bola parada, no duelo os alvinegros demonstraram estar bem. Thiago Marabá levantou falta na área e Jean Marabaixo se aproveitou de um descuido da marcação para cabecear com perigo. Pouco depois, Henríquez subiu para testar e mandar sobre o gol.

Times marcam um gol cada e Leão avança

Para a etapa final, os treinadores optaram por seguir com as equipes e não realizaram nenhuma alteração. Ainda assim, quem teve a primeira boa chance foram os visitantes, quando Gabriel pegou o rebote após troca de passes e deu uma bomba, mas a bola resvalou na marcação e saiu pela linha de fundo.

Com modificação na postura, no entanto, o Leão continuou insistindo e conseguiu balançar as redes. Rithely persistiu em jogada pelo meio e deixou para Leandro Pereira, que virou e encheu o pé direito, abrindo o placar, calando e frustrando bastante o público presente ao estádio Zerão.

Leandro marca gol solitário e garante classificação ao Leão na competição (Foto: Williams Aguiar/Sport)
Leandro marca dois gols e garante classificação ao Leão na competição nacional (Foto: Williams Aguiar/Sport)

Depois de sair em vantagem, o Leão seguiu tentando. Autor do tento, Leandro ficou de frente para Axel, mas demorou e chutou em cima do goleiro. Em seguida, Marlone ficou com a bola após a saída errada dos amapaenses e finalizou fraco e para defesa fácil do camisa 1 santista, o que os motivou.

Com a motivação, o Peixe da Amazônia chegou ao empate em erro dos pernambucanos no sistema defensivo. Bruno apareceu em velocidade no meio da cabeça de área e emendou um pombo sem asa, deixando Magrão perdido sem chances de defesa. Dois minutos depois, todavia, o centroavante leonino recebeu passe enfiado pela direita e arrematou no cantinho, dando números finais. Capa Neto Moura até tentaram, contudo esbarraram no arqueiro alvinegro.