Dinamite anuncia acordo do Vasco com a Fazenda Nacional

Presidente aproveitou a festa de 115 anos do clube ontem, na sede náutica da lagoa, para fazer o anúncio

Dinamite anuncia acordo do Vasco com a Fazenda Nacional
Vascaínos comemoraram 115 anos com promessa de mais glórias no futuro (Foto: Divulgação/ Vasco)

Aniversário é uma data especial. De 115 anos então, nem se fala. Pro Vasco, esse dia foi ainda mais diferenciado. Além de completar 115 anos de glórias, dentro e fora de campo, o clube da Colina Histórica pôde comemorar talvez o início de uma nova era. O presente dos cruz-maltinos não faz gol, não defende, e nem ataca. Não é nenhum astro do futebol mundial. Na festa de gala ontem, na Lagoa, o presidente Roberto Dinamite fez jus a ser o maior nome na história do clube e anunciou: o Vasco entrou em acordo com a Fazenda Nacional e tira um fardo gigantesco das costas. 

A dívida é imensa: mais de 90 milhões de reais. Vinha atrapalhando o Vasco em tudo: o clube perdia credibilidade, tinha contas bloqueadas e patrocínios vetados. Mas na noite de ontem Dinamite anunciou que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e o ministro-chefe da Controladoria Geral da União, Jorge Hage, assinaram o documento aprovando o parcelamento da dívida tributária, que será paga em 5 anos. 

"Ainda não é oficial. Sou advogado e só acredito quando o documento estiver assinado na minha frente", disse na sede náutica do clube Gustavo Pinheiro, diretor jurídico do Vasco. Só acredito vendo, é o discurso. Na colina, porém, já se vê o sol, ainda que entre nuvens, tentando brilhar novamente. O parcelamento da dívida com a Fazenda, somado a Campanha Vasco Dívida Zero trazem bons ares para São Januário. A torcida espera que nenhuma tempestade trazida por administradores inconsequentes mude isso. E que os próximos 115 anos sejam de mais glórias, pioneirismo e sem dívidas.